Vela é eleito presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Pinda

Segundo turno contou com chapa única; categoria representa 29% dos trabalhadores da cidade

Vela (à esquerda) comemora vitória em eleição ao lado de sindicalistas; escolha teve chapa única (Da Assessoria)
Vela (à esquerda) comemora vitória em eleição ao lado de sindicalistas; escolha teve chapa única (Da Assessoria)

Lucas Barbosa
Pindamonhangaba

Após apuração na última sexta-feira, o sindicalista Herivelto Moraes, mais conhecido como Vela, foi eleito como novo presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba. Com quase três décadas de existência, o sindicato atualmente conta com nove mil associados, número que representa cerca de 28% do total de trabalhadores do município.
Com apenas uma chapa inscrita no segundo turno, Vela, que anteriormente ocupava o cargo de secretário geral do sindicato, e que atua na empresa Gerdau, será responsável pelo órgão até 2020.
Vela substituirá Renato Mamão no comando do sindicato, que atualmente conta com aproximadamente nove mil associados. “É uma grande responsabilidade, afinal é a maior categoria de Pindamonhangaba. Representarei com dignidade esse apoio recebido. Muito obrigado a todos os companheiros e companheiras”, ressaltou o novo presidente.
Mamão elencou as qualidades de seu sucessor e ressaltou que mesmo após ‘passar o bastão’ se manterá na ‘linha de frente’ do sindicato. “O Vela sempre teve uma atuação chave nas mobilizações das fábricas e adquiriu muita experiência nesses anos. Peço aos trabalhadores que, assim como me apoiaram durante o mandato, apoiem também o Vela. Eu continuo integrando a direção plena da entidade, novos projetos também virão e continuarei no movimento, porque a luta não pode parar”.
Eleição – O Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba conta com a implantação de um sistema denominado CSEs (Comitês Sindicais por Empresa).
De acordo com Mamão, a partir do CSEs foi possível ampliar o número de dirigentes sindicais e atender melhor fábricas de grande e pequeno porte. Negociações de salário, segurança e melhorias em geral têm sido intensificadas nas bases.
Na formação dos CSEs, cada trabalhador vota somente nos candidatos da sua base.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

× Como posso te ajudar?