Manthiqueira prepara pacotão de reforços até o fim de novembro

Ao menos nove jogadores devem chegar ao Centro de Treinamento São Nicolau

Dado Oliveira fala ao elenco durante a pré-temporada no início do ano; Manthiqueira projeta 2018 (Foto: Arquivo Atos)
Dado Oliveira fala ao elenco durante a pré-temporada no início do ano; Manthiqueira projeta 2018 (Foto: Arquivo Atos)

Leandro Oliveira
Guaratinguetá

Faltando pouco mais de um mês e meio para o fim do ano, o Manthiqueira já começa a viver a temporada 2018. O time de Guaratinguetá se reapresenta no próximo dia 28, após o título da Série B do Campeonato Paulista e um período de férias.

Para a Série A-3 o clube de Dado de Oliveira vai manter a base vencedora de 2017 e irá repatriar antigos jogadores da Laranja.

Entre os jogadores com negociação aberta para retornar ao Manthiqueira estão o goleiro Pedrão, os laterais Lucas e Alex e o atacante Dias, que defenderam o clube entre 2013 e 2016. Cacá e Álvaro jogaram entre 2012 e 2014 e também negociam. Além deles, o zagueiro Gabriel Pelé, autor do primeiro gol profissional da equipe em 2011, também pode retornar.

Do elenco campeão, apenas os zagueiros Felipe e Léo Costa não farão parte do grupo de 2018. Eles foram para o Cascavel-PR e Tupi-MG, respectivamente. Com a base vencedora, Dado quer apenas lapidar o time para a Série A-3. “Temos que valorizar muito os jogadores que ficaram, pois ganharam o campeonato”, contou o presidente.

O clube negocia ainda com dois jogadores. Um deles é o atacante Ninão, que jogou pelo União Mogi neste ano. Quanto ao técnico, Dado confirmou que Luís Felipe Domingos vai exercer outra função no clube. O Manthiqueira negocia com um ex-profissional que passou pelo clube no passado. O nome ainda não havia sido revelado até o fechamento desta edição.

Diferente dos anos anteriores, em 2018 o Manthiqueira terá um aporte financeiro maior. Ainda assim o presidente confirmou que o valor repassado pela Federação Paulista de Futebol só será suficiente para pagar a conta das realizações das partidas em Guaratinguetá. Fora isso, o clube terá que correr para atrair patrocinadores. “Esperamos também que o torcedor possa comparecer no estádio, afinal isso ajuda muito (renda), para fazermos um campeonato redondinho e cumprir com as nossas obrigações”, concluiu o presidente.

Competições – Na Série A-3, a meta principal será se manter. Se ficar entre os nove primeiros colocados, o Manthiqueira luta por vaga para a Copa Paulista do mesmo ano. Nas categorias de base, o clube de Guaratinguetá vai disputar a Copa São Paulo em janeiro e o Campeonato Paulista da Primeira Divisão sub-20.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>