Lorena avança em modernização de processos licitatórios com nova parceria

Plataforma digital viabiliza pregões eletrônicos da Prefeitura para atrair fornecedores de todo País

Reunião de licitação em Lorena; novo sistema digital promete agilizar e modernizar processos na cidade (Foto: Divulgação PML)
Reunião de licitação em Lorena; novo sistema digital promete agilizar e modernizar processos na cidade (Foto: Divulgação PML)

Lucas Barbosa
Lorena

Para otimizar processos licitatórios e economizar recursos públicos, a Prefeitura de Lorena firmou na última semana um acordo de cooperação com a BBM (Bolsa Brasileira de Mercadorias) para o uso de uma plataforma digital que permitirá a realização de pregões eletrônicos. A melhoria, que não necessitará de uma contrapartida municipal, deve entrar em funcionamento a partir de maio.

Segundo o secretário de Administração, Daniel Malerba, o município iniciou as tratativas com a BBM no fim do ano passado, após constatar os bons resultados obtidos pelas mais de novecentas entidades públicas e privadas que realizaram pregões eletrônicos através da plataforma digital “BBMNET Licitações”.

Com a celebração do acordo entre o prefeito, Fábio Marcondes (sem partido) e a gerência da BBM, que é uma organização sem fins lucrativos, a ferramenta licitatória passará a ser utilizada pela cidade para a aquisição de serviços e bens, como medicamentos e alimentos.

A plataforma possibilitará que fornecedores de todo o Brasil participem dos pregões eletrônicos sem a necessidade de enviarem representantes a Lorena. A disputa pelo fornecimento será realizada através de propostas e lances em sessão pública virtual, sendo declarada vencedora a empresa que apresentar o valor mais baixo do produto ou serviço. “Além de manter a transparência e gerar a desburocratização do processo licitatório, a plataforma permitirá mais economicidade. Com o aumento da concorrência entre fornecedores de diversos estados, teremos acesso a valores mais atrativos.”, explicou Malerba. “A segurança no armazenamento e tráfego de informações no sistema é garantida pela criptografia, método considerável seguro e inviolável”, completou.

O secretário de Administração explicou ainda que a modalidade de pregão eletrônico será utilizada principalmente em licitações que contem com recursos estaduais ou federais. Já as aquisições que serão efetuadas apenas com investimentos municipais continuarão ocorrendo através de pregões presenciais.

O contrato de cooperação entre Lorena e a BBM possui um prazo de um ano, podendo ser renovado pelo mesmo período.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?