Megaoperação da Dise desarticula quadrilha de traficantes na região

Vinte quilos de cocaína são apreendidos pela Polícia Civil; esquema criminoso abastecia quatro cidades

Policiais civis reunidos em frente à Seccional; operação é sucesso (Foto: Divulgação Polícia Civil)
Policiais civis reunidos em frente à Seccional; operação é sucesso (Foto: Divulgação Polícia Civil)

Da Redação
Regional

Após seis meses de investigação, uma megaoperação deflagrada pela Polícia Civil, na última semana, desarticulou uma quadrilha de traficantes de drogas que distribuía entorpecentes em quatro munícipios da região. Além da apreensão de aproximadamente vinte quilos de cocaína, a ação resultou na prisão de 23 criminosos.

Comandada pela Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) de Guaratinguetá a ‘Operação Nexus’ mobilizou cerca de oitenta policiais, na última quarta e quinta-feira. Eles cumpriram mandados de busca e apreensão em diversos imóveis em Guaratinguetá, Lorena e Pindamonhangaba. Presos na ação, 15 homens e 8 mulheres são acusados de participarem de um esquema criminoso que abastecia pontos de tráfico de drogas em Aparecida, Guaratinguetá, Lorena e Pindamonhangaba.

De acordo com a Polícia Civil, o esquema foi descoberto durante a investigação de um homicídio ocorrido no início do ano no Vila Brasil, em Guaratinguetá. Enquanto apuravam os motivos e responsáveis pelo assassinato, os policiais descobriram que um presidiário continuava comandando o tráfico de drogas no bairro. Na sequência, o setor de inteligência da Polícia Civil conseguiu identificar que os entorpecentes eram fornecidos por um criminoso de São Paulo.

Enquanto o fornecedor foi preso na última quarta-feira, na Capital, no dia seguinte foi a vez dos responsáveis pelo controle do dinheiro e comercialização das drogas.

Os criminosos foram recolhidos às cadeias públicas de Aparecida e Lorena. Segundo a Dise, durante os próximos dias serão realizadas novas diligências da ‘Operação Nexus’, com o objetivo de localizar os demais membros da quadrilha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>