Uso de máscaras volta a ser obrigatório na saúde e transporte coletivo de Lorena

Durante a última semana, cidade registra 65 casos de Covid-19 com cinco pessoas internadas em hospitais

População no centro de Lorena; máscara volta a ser obrigatória em alguns setores na cidade (Foto: Arquivo Atos)

Andréa Moroni
Lorena

Com base no decreto estadual nº 67.299, de 24 de novembro de 2022, a prefeitura de Lorena promulgou o Decreto Municipal nº 7.884, de 29 de novembro de 2022, que trata da obrigatoriedade do uso de máscara de proteção facial.

Segundo o decreto, passa a ser obrigatório o uso de máscaras em estabelecimentos de serviços de saúde, farmácias, hospitais e clínicas, laboratórios, centros de saúde, consultórios médicos, entre outros.

Também é obrigatório o uso de máscaras nos meios de transporte coletivo de passageiros e nos locais de acesso, embarque e desembarque do transporte coletivo.

Segundo o secretário de Saúde, Adaílton Pinto, a cidade registrou até quinta-feira (1) 65 casos de Covid-19, com cinco pacientes internados (três em UTI’s) e sessenta realizando o tratamento nas residências.

Além de Lorena, nas últimas semanas, Cunha, Pindamonhangaba, Guaratinguetá e Cruzeiro estão entre as cidades que já editaram decretos sobre a volta do uso de máscaras em locais de saúde e transporte.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?