Ex-secretário de Finanças de Pinda assume Fazenda em Guará

Domingos Botan assume cargo após Tânia Mara pedir exoneração; manter saldo positivo é meta após ações trabalhistas

Tânia Mara deu lugar a Domingos Botan; dança das cadeiras em Guaratinguetá (Foto: Reprodução)
Tânia Mara deu lugar a Domingos Botan; dança das cadeiras em Guaratinguetá (Foto: Reprodução)

Leandro Oliveira
Guaratinguetá

A dança das cadeiras em Guaratinguetá ganhou um novo capítulo. Então secretária da Fazenda do município, Tânia Mara Reis surpreendeu ao pedir exoneração. O novo secretário será Domingos Botan, que assume a pasta na próxima segunda-feira.

O Executivo confirmou o nome de Botan, ex-secretário de Finanças de Pindamonhangaba na administração do ex-prefeito Vito Ardito (PP), entre os anos de 2011 e 2016. Ele tomará posse na próxima segunda-feira.

O novo secretário terá como meta principal seguir os passos de Tânia, que fechou 2017 com saldo positivo, mas neste ano, a Prefeitura enfrenta uma turbulência quanto ao pagamento de ações trabalhistas, que geram ao município R$10 milhões em dívidas. Soliva já confirmou que, devido a obrigatoriedade judicial por quitar esses débitos, o Executivo deve cortar investimentos de outros setores.

Agora ex – Funcionária de carreira e há mais de vinte anos na administração municipal, Tânia era subsecretária de Mário Sérgio Takaiama, e tornou-se responsável pela pasta no ano passado, quando Takaiama foi desligado do cargo.

Mesmo com o pedido de exoneração, Tânia voltará para o cargo de subsecretária. Ela atendeu a reportagem do Jornal Atos, mas preferiu não conceder entrevista para explicar as motivações pela saída. De acordo com o chefe do Executivo, a demanda sobre a profissional era intensa e, por isso, ela pediu para deixar o comando da secretaria. “Foi um pedido dela, que está tendo um desgaste muito grande para tocar a Fazenda. A Tânia tem muita experiência no setor, por isso pedimos para que ela continuasse. Depois de pedirmos, ela aceitou”, explicou o prefeito Marcus Soliva (PSB).

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?