PRF anuncia transferência da sede de Cachoeira Paulista para Aparecida

Plano desativa base de Taubaté em redistribuição dos trechos que visa otimizar os meios e o efetivo na Via Dutra

Posto da Polícia Rodoviária Federal no trevo de Roseira, que deve abrigar sede transferida de Cachoeira (Foto: Marcelo A. dos Santos)

Thales Siqueira
RMVale 

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) anunciou na última segunda-feira (4) mudanças nos trechos das delegacias na rodovia Presidente Dutra. Entre elas, a transferência da sede de Cachoeira Paulista para Aparecida, e a desativação da base de Taubaté.

Desde a última sexta-feira (1), já está operando uma nova divisão no trecho. A estrutura administrativa da Delegacia 6, que englobava os trechos de Taubaté e de Ubatuba, passa a ter uma nova sede na rodovia BR 101, compreendendo apenas o trecho do litoral. Já o efetivo de patrulhamento que atuava no trecho de Taubaté foi remanejado para as Delegacia 2 (São José dos Campos) e Delegacia 8 (Cachoeira Paulista).

A sede da última unidade passará a funcionar temporariamente no posto de Roseira, até a finalização da construção de uma nova sede, em Aparecida, às margens da Via Dutra, próxima ao Santuário Nacional.

De acordo com a Superintendência da PRF, a equipe de patrulhamento não será reduzida na rodovia BR 116, e a redistribuição dos trechos tem como propósito uma otimização dos meios e do efetivo na Via Dutra, com o intuito de qualificar o atendimento à população e ampliar a área das rondas.

A nova estrutura de vigilância passa a funcionar com a Delegacia de Cachoeira Paulista abrangendo o trecho KM 0 ao 103 (Queluz a Pindamonhangaba), Delegacia de São José dos Campos do KM 103 ao 175,2 (Taubaté a Jacareí), e a Delegacia de Guarulhos do KM 175,2 a 232 (Jacareí a São Paulo).

Operação Ano Novo – Segundo dados divulgados na segunda-feira (4) pela PRF, ao todo foram registrados 18 acidentes nos trechos das cidades de São José dos Campos, Jacareí e Cachoeira Paulista, mas sem óbito. A operação foi realizada entre os dias 30 de dezembro de 2020 a 3 de janeiro de 2021 com a finalidade de reduzir o número de mortes e acidentes nas rodovias federais do Brasil.

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?