Com nova composição, Conselho Regional busca avançar em negociações com governo do Estado

Órgão tenta angariar recursos para novas obras de infraestrutura e segurança; Guará sedia próximo encontro

Prefeito Délcio Sato espera arrecadar R$12 milhões com a implantação do REFIS(Foto: Reprodução PMU)
Sato é um dos prefeitos presentes na reunião que cobra maior participação do Estado; Conselho Regional elege nova diretoria (Foto: Reprodução PMU)

Da Redação
Região

Responsável por apresentar ao Governo do Estado as principais demandas de melhorias na RMVLN (Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte), o Conselho de Desenvolvimento Regional elegeu sua nova direção na última segunda-feira em São José dos Campos. Além da nomeação de conselheiros, o encontro discutiu ações integradas que gerem avanços para a região.

Realizada no Parque Tecnológico de São José dos Campos, a 23ª Reunião do Conselho de Desenvolvimento da RMVLN teve a participação de prefeitos de 27 cidades; dos secretários estaduais; da Casa Militar; Defesa Civil, Walter Nyakas e do secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi. O evento contou com a presença do deputado federal Eduardo Cury (PSBD) e dos deputados estaduais Sergio Victor (Novo) e Letícia Aguiar (PSL).

Criado em 2012, o Conselho de Desenvolvimento Regional é encarregado de reunir as principais reivindicações dos prefeitos da região em relação à necessidade de recursos para a viabilização de obras, programas e serviços que melhorem a qualidade de vida da população. Na sequência, o órgão encaminha e discute os pedidos junto ao Governo do Estado.

Após consenso, foi reeleito presidente do órgão o prefeito de Paraibuna, Victor Miranda (PSDB), que terá como vice o prefeito de Santo Antônio do Pinhal, Clodomiro Junior (PSD).

O Fundovale (Fundo de Desenvolvimento da Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte), encarregado de dar suporte financeiro ao planejamento de ações regionais elegeu seis conselheiros, as prefeitas de Monteiro Lobato, Daniela Brito (PSB); a de São Luiz do Paraitinga, Ana Lúcia Sicherle (PSDB); os chefes dos Executivos de Cunha, Rolien Garcia (PSB) e de Santa Branca, Celso Simão (PSDB); e os diretores da Agenvale (Agência Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte), o ex-secretário de Esportes de São José dos Campos, Sergio Theodoro, e o ex-prefeito de Guaratinguetá, Junior Filippo (PSD). Os conselheiros e o presidente permanecerão nos cargos por um ano.

Além de ressaltar a importância do encontro, o secretário de Desenvolvimento Regional apontou quais são os primeiros objetivos da coalização. “A reunião de hoje marca um momento importante com a restruturação das agências do Estado e apresentação da equipe de trabalho da Agemvale, além da eleição do Conselho. Queremos também avançar com questões históricas para a região com o Plano de Desenvolvimento Urbano Integrado, e focar em segurança pública dentro do próximo ano”, explicou Vinholi.

Além de São José dos Campos, o encontro teve a participação de representantes de Areias, Bananal, Caçapava, Campos do Jordão, Canas, Cruzeiro, Cunha, Guaratinguetá, Igaratá, Ilhabela, Jacareí, Jambeiro, Lagoinha, Monteiro Lobato, Natividade da Serra, Paraibuna, Piquete, Potim, Roseira, Santa Branca, Santo Antônio do Pinhal, São José do Barreiro, São José dos Campos, São Luiz do Paraitinga, São Sebastião, Silveiras e Taubaté.

A próxima reunião do Conselho de Desenvolvimento Regional será sediada em Guaratinguetá, no dia 27 de agosto.

A reportagem do Jornal Atos solicitou um posicionamento do presidente reeleito do conselho e prefeito de Paraibuna, Victor Miranda, mas ele não foi localizado até o fechamento desta edição.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

× Como posso te ajudar?