Lorena participa do lançamento do Circuito Sesc de Artes

Ação disponibiliza espetáculos de qualidade às cidades do interior

Artistas ligados ao Circuito Sesc de Artes abrem o espetáculo, em evento que reuniu convidados de todo Estado de São Paulo (Elisabeth Almeida)
Artistas ligados ao Circuito Sesc de Artes abrem o espetáculo, em evento que reuniu convidados de todo Estado de São Paulo (Elisabeth Almeida)

Elisabeth Almeida
Lorena

A secretaria de Cultura de Lorena participou esta semana do lançamento do Circuito Sesc de Artes deste ano, em São Paulo. O evento, que será realizado entre os dias 1º e 24 de abril, tem como objetivo oferecer atividades culturais gratuitas em espaços públicos.
Os subsecretários Hudson Melo Guedes e Patrícia Vezzaro prestigiaram o evento e conferiram o roteiro que virá para Lorena, no dia 1º de abril, na praça Arnolfo de Azevedo.
Entre as atividades previstas estão as apresentações de circo “Risos!”, com a Cia de Circo Amarillo; teatro com a peça “O Cuscuz Fedegozo”; dança de “Raízes em Ruínas” e música “Lira e samba coco raízes de Arcoverde”.
Além desses, haverá o “Gabinete de curiosidades e habilidades”, inspirado em traveling shows, antigos carros itinerantes. Para esta parte da programação está a oficina Zootrópico, que explora os princípios da animação cinematográfica, a partir da gravação de imagens quadro a quadro e da construção de brinquedos de ilusão ótica e o Cine Magia, com exibição de curtas-metragens dirigidos pelo cineasta francês Georges Méliès.
De acordo com Hudson Guedes, a expectativa é grande para que a população compareça. “Essas apresentações são feitas para todas as idades, por isso é importante a divulgação deste evento para que o público deste ano seja maior que de 2015, para que cada vez mais venham apresentações culturais para a cultura da nossa cidade”.
O Circuito Sesc de Artes é um evento de circulação artística promovido anualmente, percorrendo 114 municípios do Estado, realizando 67 trabalhos artísticos e um total de 807 apresentações e intervenções artísticas nos finais de semana, com a participação de 311 artistas.
Para o diretor regional da entidade, Danilo Santos de Miranda, a próxima meta para o circuito é investir nas cidades do interior. “Nosso objetivo é continuar com nossos trabalhos, trazendo apresentações culturais de qualidade para todos, mas intensificando nas cidades mais distantes, principalmente onde não há tanto recurso”.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?