Traficante é flagrada com submetralhadora em Cruzeiro

Dise busca enfraquecer grupo que atua em quatro cidades da região; criminosa pode ser condenada a 25 anos de prisão

Entorpecente e material apreendido em Cruzeiro, com objetivo de desarticular uma quadrilha de traficantes de drogas (Foto: Divulgação PM)

Lucas Barbosa
Cruzeiro

Deflagrada com o objetivo de desarticular uma quadrilha de traficantes de drogas em Cruzeiro, uma operação da Polícia Civil prendeu na noite da última quinta-feira (27) uma mulher que estava em posse de uma submetralhadora. A criminosa é acusada de integrar um grupo que abastece pontos de venda de entorpecentes no município e em três cidades vizinhas.
De acordo com a Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes), um trabalho de monitoramento apontou que a quadrilha armazenava drogas em uma casa no bairro Vila Romana. Cumprindo um mandado de busca e apreensão, os policiais civis invadiram o imóvel, por volta das 19h, flagrando uma mulher embalando cerca de cem cápsulas de cocaína.
Além de duas balanças de precisão e diversos outros materiais utilizados para a comercialização dos entorpecentes, em um dos cômodos foi encontrada uma submetralhadora calibre nove milímetros. Considerada de alto potencial bélico, a arma foi personalizada pelos criminosos com desenhos dos personagens do filme ‘Coringa’ e da série espanhola ‘La Casa de Papel’. Na parte superior do armamento, foram também desenhadas cartas de baralho e o símbolo do cifrão do real.
Apesar de confessar que integra a quadrilha de traficantes de drogas, a mulher não revelou a procedência da submetralhadora. Encaminhada à Delegacia de Cruzeiro, a criminosa responderá por tráfico de drogas, associação ao tráfico e porte ilegal de arma de fogo. Ela poderá ser condenada a até 25 anos de prisão. Segundo a Dise, outros seis integrantes do grupo foram presos ao longo do ano. A quadrilha é acusada de fornecer entorpecentes a outros criminosos de Cruzeiro e também de Cachoeiras Paulista, Lavrinhas e Piquete.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?