Piquete reúne 59 times em campeonato internacional

Município é selecionado para receber partidas da Taça São Paulo de Futebol; semana tem jogos marcados para o campo do Estrela

Partida pela edição 2019 da Taça São Paulo; competição começa nesta segunda-feira (Foto: Reprodução PMCP)

Da Redação
Piquete

A Prefeitura de Piquete revelou na última sexta-feira (1), que o município será uma das sedes da Taça São Paulo de Futebol, competição que contará com times brasileiros e internacionais. Além de ser uma opção de lazer para a população, o Executivo acredita que o evento poderá inspirar as crianças e jovens da cidade a seguirem o caminho do esporte.

Organizado pela Federação Alternativa de Desporto do Estado de São Paulo, o torneio, que terá a participação de 55 equipes brasileiras e quatro estrangeiras, contará com três categorias: profissional, sub-17 (atletas até 17 anos) e sub-20 (atletas até 20 anos).

Além de São Paulo, o futebol brasileiro será representado na competição por times de diversos outros estados como Amazonas, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Pará, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Por ser organizado por uma liga alternativa, o campeonato não contará com times tradicionais, presentes nas séries A, B e C do futebol brasileiro, regido pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

As quatro equipes estrangeiras que competirão são DH Futebol (Argentina), International (África do Sul), NS Representativa (Paraguai) e NOC Sports (Japão). Entre elas, apenas o time paraguaio jogará em Piquete. De acordo com a secretaria de Esporte e Lazer de Piquete, o primeiro jogo da categoria profissional será realizado na próxima segunda-feira (4), às 11h, no estádio Fábrica Presidente Vargas, mais conhecido como Campo do Estrela, envolvendo os times do 14 de Julho, do Rio Grande do Sul, e o EBSO, de São Paulo. Às 13h se enfrentarão o União Centenário, de Minas Gerais, e o Shallon, do Espírito Santo. Pela última partida do dia, o Auddaz, de Piquete, jogará contra os paraguaios do NS Representativa, às 15h.

Segundo o secretário adjunto de Esportes e Lazer, Cleryston Giovanni da Silva, o estádio Fábrica Presidente Vargas, que tem capacidade para cinco mil torcedores, poderá receber 1.500 (30% da capacidade) devido aos protocolos de segurança contra o contágio do novo coronavírus (Covid-19).

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?