Pinda é a primeira cidade do país a receber sinal de 5G

Testes iniciais do avanço tecnológico começaram; há ainda a intenção de levar o sinal para que famílias façam experimento por sessenta dias

Estrutura preparada para o evento que lançou os testes de 5G na cidade; investimento da Americanet e Nokia (Foto: Bruna Silva)

Bruna Silva
Pindamonhangaba 

Pindamonhangaba recebeu na última segunda-feira (26) os testes de sinais da tecnologia 5G. A promessa é que os usuários possam ter acesso com agilidade para baixar a enviar arquivos online. O evento foi promovido pela Americanet, em parceria com a Nokia.

Os testes iniciais foram realizados no estacionamento da Prefeitura, com operações nas faixas 3,5 GHz – sub-6 GHz – e 26 GHz – ondas milimétricas –, com autorização para testagem e pesquisa habilitada pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações).

Segundo a empresa, há ainda a pretensão de levar a experiência da tecnologia 5G para cerca de 25 famílias que poderão usufruir do sinal por dois meses, período em que a terceirizada fará o monitoramento para identificar benefícios, além de buscar melhorias e compreender caminhos para serem explorados.

O CEO da Americanet, Lincoln Oliveira, comentou que a escolha pelo município se deve à forte presença estratégica de Pindamonhangaba em diferentes setores que podem se beneficiar com aplicação do 5G. “Pindamonhangaba está localizada no Vale do Paraíba, uma região estratégica, do ponto de vista de logística e de negócios com alto poder de investimento, onde encontramos segmentos como o industrial, comércio e varejo, residencial e de segurança pública. Já estamos presentes na região e iremos fomentar o desenvolvimento de novos negócios com o incremento do 5G. Será uma ótima oportunidade para mostrar o funcionamento da nova tecnologia na prática e buscar possíveis upgrades para a aplicação em larga escala”, afirmou.

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?