Guarda Civil Metropolitana de Pinda recebe autorização para atuar armada

Ação ocorre após sequência de treinamentos concluídos; para Município, medida é um marco para a cidade

Nova estrutura disponível à Guarda Civil de Pinda; cidade investe para ampliar segurança (Foto: Divulgação PMP)

Bruna Silva
Pindamonhangaba

Com o objetivo possibilitar maior segurança para os moradores, a Prefeitura de Pindamonhangaba anunciou, nesta semana, que os guardas civis metropolitanos passaram a receber o armamento. A entrega aconteceu após a confirmação da Polícia Federal para o porte de arma.

De acordo a administração, desde a última semana, cerca de 25 funcionários receberam o armamento e já estão trabalhando com o equipamento. Para ter o porte de arma de fogo, os agentes passaram por mais de dez cursos e capacitações, entre eles os que abordaram legislação criminal, defesa pessoal e também policiamento comunitário.

Com este avanço é esperado que haja maior combate contra a criminalidade no município, uma vez que as ações serão integradas à Polícia Militar e Polícia Civil. O secretário de Segurança Pública, José Sodário Viana, explicou que no remodelamento a GCM (Guarda Civil Metropolitana) poderá realizar ações sistêmicas em conjunto com estes órgãos de segurança.

Ao todo, a Guarda Civil conta com 115 agentes e durante o processo de formação diversos foram eliminados por não cumprirem os requisitos para o recebimento de armas de fogo. Em casos de abuso de autoridade ou abordagens indevidas, a Prefeitura acompanhará as denúncias através das Ouvidoria e Corregedoria. É competência da GCM proteger serviços, bens e instalações municipais, além de colaborar com a fiscalização de infrações de trânsito e apoiar às ações de Posturas. Neste novo formato, os agentes poderão também efetuar prisão em flagrante.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?