Fundo Social de Solidariedade de Pindamonhangaba inaugura “Gente Miúda”

Espaço conta com produção de fraldas descartáveis para famílias em vulnerabilidade social

Insumos para fraldas descartáveis; projeto da assistência social auxilia famílias em situação de vulnerabilidade social (Foto: Bruna Silva)

Bruna Silva
Pindamonhangaba

Em trabalho para auxiliar famílias em vulnerabilidade social que foram duramente impactadas pela pandemia de Covid-19, o Fundo Social de Solidariedade de Pindamonhangaba inaugurou, na última quinta-feira (16), o “Gente Miúda”. No espaço, serão feitas fraldas descartáveis para doação.

A sede do serviço foi batizada com o nome da mãe da primeira dama de Pindamonhangaba e presidente do Fundo Social, Cláudia Domingues. Popularmente, a professora Maria Aparecida Simões Vieira, conhecida como “Dona Simões”, que lecionou por trinta anos na escola pública da cidade, Ryoiti Yassuda, e se tornou marca registrada da caridade e atenção com o outro. “Fica até difícil falar da minha mãe… Esse ano completa dez anos que ela faleceu e este espaço é mais uma forma de manter a memória dela viva”, comentou Cláudia, bastante emocionada.

Prefeito Isael Domingues e a primeira dama acompanham entrega de fraldas descartáveis em Fundo Social (Foto: Bruna Silva)

O espaço, que já está em funcionamento, possui capacidade para atendimento de até cem famílias com doação de 150 fraldas mensais para cada. Para ser beneficiado com o programa, o interessado deve estar com inscrição efetivada no CadÚnico (Cadastro Único), gerenciado pela secretaria de Assistência Social. Os selecionados com condições financeiras de deslocamento poderão ir até a sede do projeto para auxiliar os profissionais durante a produção. O Fundo Social também está aceitando a ajuda de colaboradores voluntariados.

Para a moradora do Cidade Nova, Maristela Nunes, de 27 anos, o projeto garante alívio financeiro na compra de fraldas do pequeno Cauã Nunes de cerca de quatro meses. Frequentadora do projeto, ela produz toda quarta-feira e recebe três pacotes semanais para o bebê. “Hoje em dia, as fraldas estão muito caras. A qualidade é a mesma que compramos no mercado”, afirmou.

O “Gente Miúda” atende diariamente, de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h, na avenida Geraldo Prates da Fonseca, nº 55, no bairro do Lessa. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (12) 3642-2223.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?