Saeg convoca devedores e retoma corte de água em Guará

Projeto da Prefeitura pedia revogação de lei que assegurava fornecimento durante a pandemia

Sede da Saeg em Guará, que tem liberação para corte no fornecimento de água após alta inadimplência (Foto: Reprodução Saeg)

Leandro Oliveira
Guaratinguetá

Após o aval da Câmara de Guaratinguetá, a Saeg (Companhia de Água, Esgoto e Resíduos) está liberada para retomar o corte no fornecimento de água para pessoas que residam em casas de qualidade boa, ótima e excelente. A aprovação do projeto, elaborado pela Prefeitura, revogou uma lei criada no ano passado, que assegurava o abastecimento da população durante o período de pandemia.

O PL estabelece novos parâmetros para a proibição do corte ou suspensão do fornecimento de água, seguindo o período dos decretos estabelecidos pelo Governo do Estado de São Paulo, que determinam o tempo de quarentena. Uma das justificativas para retomada do corte de água é o aumento da inadimplência da população, que gera um saldo negativo de quase R$ 4 milhões à companhia.

De acordo com a Saeg, são mais de 1,2 mil casas com contas atrasadas, sendo que boa parte dos imóveis tem atrasos acima de 12 meses. “A Saeg necessita da receita oriunda dos serviços por ela prestados, sob pena de comprometer a qualidade, manutenção e continuidade de referidos serviços (trecho da justificativa, encaminhada ao Legislativo)”.

No plenário, a pauta contou com aprovação total e foi acatada de forma unânime. Com o aval do Legislativo, a Companhia terá que convocar os contribuintes inadimplentes e que não se encaixem nos novos critérios estabelecidos para a suspensão ou não do fornecimento de água. Os débitos devem ser pagos em sessenta dias, com opção de parcelamento.

O que muda? – Agora a companhia pode suspender o fornecimento de água de contribuintes que não fizerem as renegociações e possuem débitos abertos, desde que eles residam em casas de padrão considerável bom, ótimo ou excelente. Quem tem dívidas e mora em imóveis residenciais com padrão construtivo modesto, econômico e rústico, não sofrerão com os cortes, mas precisam saldar os débitos.

Negociação – A Saeg inaugurou sua nova sede comercial, na rua Rafael Brotero, nº 63, no Centro de Guaratinguetá. Acordos e renegociações de dívidas devem ser feitos presencialmente nesta sede da unidade.

Compartilhar é se importar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?