Estação do Pedregulho inicia primeira fase de tratamento de esgoto de Guará

Estação beneficia 14 mil moradores; tecnologia norueguesa implantada em 2017

Diretores da CAB e Saeg participam de inauguração da ETE Pedregulho; sistema atende 14 mil em Guará (Foto: Estéfani Braz)
Diretores da CAB e Saeg participam de inauguração da ETE Pedregulho; sistema atende 14 mil em Guará (Foto: Estéfani Braz)

Da Redação
Guaratinguetá

A nova ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) do bairro do Pedregulho foi inaugurada na última sexta-feira e começou a operar nesta segunda-feira (22). A estação, nesta primeira fase, funcionará com o sistema tradicional, preparando os tanques para receber a tecnologia norueguesa MBBR a partir da segunda fase, que deve ser iniciada no próximo ano.

O MBBR funciona com a colocação, dentro de tanques aerados, de um material suporte para crescimento de microrganismos que irão se alimentar da matéria poluente presente no esgoto. A remoção de poluentes é superior a 90%, de acordo com a empresa responsável pela implantação do sistema em Guaratinguetá.

Na apresentação da nova Estação, o diretor regional da Cab, Thiago Python, explicou que a empresa fez um estudo para aperfeiçoar a coleta e tratamento de esgoto. “Quando a gente chegou a tecnologia original, era uma tecnologia muito antiga. Então, a gente pesquisou diversas tecnologias, e chegou num consenso de MBBR. O custo benefício é bem parecido. O grande diferencial é a capacidade de você aguentar esse incremento de esgoto que chega, que pode ser muito variável”.

A estação do Pedregulho aumentará em 11% a coleta e tratamento de esgoto em Guaratinguetá, beneficiando cerca de 14 mil pessoas. A principio, o tanque, que é divido ao meio, tratará 132 litros de esgoto por segundo podendo ter sua capacidade aumentada para até 250 litros por segundo.

O diretor presidente do Saeg, Gonçalo Ferraz, explicou que nesta primeira fase será mantido o tratamento com lodo aditivo. “No ano que vem entrarão as mídias, e não terá mais obra civil, só vai ter a colocação dessas mídias para melhorar o efeito do tratamento”.

A ETE do Pedregulho será a primeira estação de tratamento do Brasil a utilizar a tecnologia MBBR.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?