Operação policial combate tráfico de drogas no Litoral

Polícia Civil apreende entorpecentes, armas e munições; dois criminosos são presos em Ubatuba

Drogas apreendidas em operação no Litoral Norte; dois homens foram presos (Foto: Reprodução PC)

Da Redação
Litoral Norte

Na tentativa de enfraquecer o tráfico de drogas no Litoral Norte, a Polícia Civil deflagrou uma operação na última terça-feira (22) em Caraguatatuba e Ubatuba. Além da prisão de dois criminosos, a ação resultou na apreensão de entorpecentes, armas de fogo e munições.

Contando com o apoio do Baep (Batalhão de Ações Especiais da Polícia) de Taubaté, a Polícia Civil cumpriu seis mandados de busca e apreensão na região praiana, sendo cinco em Ubatuba e um em Caraguá.

A principal apreensão ocorreu em uma casa no bairro Sertão da Arariba em Ubatuba. No local, os policiais flagraram um jovem de 26 anos em posse de 292 pedras de crack, 201 cápsulas de cocaína e 25 porções de maconha. Encaminhado à Delegacia de Ubatuba, ele permaneceu preso por tráfico de drogas.

No bairro vizinho, Sertão da Quina, a equipe deteve um jovem de 24 anos que possuía dois pés de maconha em casa. Apesar do flagrante, ele foi liberado após pagar fiança e responderá pelo crime de drogas em desacordo.

Ainda em Ubatuba, os agentes de Segurança prenderam, no bairro Maranduba, o dono de uma adega, de 29 anos, que utilizava o estabelecimento comercial como ponto de venda de entorpecentes. Além de porções de cocaína e maconha, foram apreendidas ainda no local uma pistola e munições. Levado à Delegacia de Ubatuba, ele permaneceu preso por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo.

Já em Caraguá, os policiais detiveram um jovem de 27 anos que escondia em sua casa no bairro Massaguaçu uma pistola e dois pés de maconha. Encaminhado à Delegacia de Caraguá, ele foi liberado após seu sogro se apresentar e afirmar ser o dono e ter o registro da arma. Porém, o rapaz teve que pagar uma multa de R$ 2 mil e responderá por drogas em desacordo, devido aos pés de maconha.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?