Soliva amplia eleitorado e é reeleito prefeito de Guaratinguetá

Com mais de 48% dos votos, atual prefeito comemora segundo mandato e salto de 8% na adesão de eleitores

O prefeito Marcus Soliva, que garantiu o segundo mandato em Guará (Foto: Rafaela Lourenço)

Leandro Oliveira
Guaratinguetá

Também marcada pela demora na divulgação e atualização no site do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), as eleições municipais em Guaratinguetá fixaram o nome de Marcus Soliva (PSC) como prefeito reeleito no município com 48,39% dos votos. Argus Ranieri (MDB) teve 29,16% e ficou em segundo lugar. De 2016, última eleição municipal, até 2020, Soliva ampliou seu eleitorado saindo de 40% para 48%.

A apuração, que tinha previsão inicial para se encerrar até às 20h, se estendeu por horas, devido às quedas no sistema do site do Tribunal. Antes de qualquer atualização oficial do TSE, os fiscais partidários foram até o Cartório Eleitoral de Guaratinguetá e fizeram a contagem manual de votos através dos boletins de urna. Em uma das parciais extraoficiais, Soliva teve mais votos que os demais concorrentes em 75 de 80 urnas conferidas.

O TSE atualizou seus dados e à 22h45, quando ainda contabilizava apena 26% de urnas apuradas, o Cartório Eleitoral de Guaratinguetá disponibilizou ao Jornal Atos uma parcial avançada de urnas apuradas e votos conferidos. Com 83% da apuração, Soliva caminhava a passos largos rumo à reeleição e abria vantagem confortável sobre Argus Ranieri, em mais de 10 mil votos, que já lhe asseguravam matematicamente a reeleição.

Minutos mais tarde, veio o veredito do Cartório e do TSE. Com 48,39% dos votos, Marcus Soliva e Régis Yasumura (PL) foram reeleitos prefeito e vice. A dupla teve um total de 30.062 votos. O atual prefeito acompanhou parte da apuração na casa de seu aliado político e atual presidente da Saeg (Companhia de Água, Esgoto e Resíduos de Guaratinguetá), Miguel Sampaio.

“Isso é o reconhecimento da população pelo trabalho realizado nesses quatro anos. Trabalho sério, focado em gestão pública, em gestão e respeito ao dinheiro público acima de tudo, onde nós objetivamos o desenvolvimento de Guaratinguetá. O investimento na infraestrutura dos bairros e melhoria na qualidade de vida dos cidadãos e acima de tudo respeitando cada voto de confiança que recebemos nas últimas eleições”, comemorou Soliva.

Candidato pelo MDB, Argus Ranieri teve 29,16% e um total de 18.115 votos. Júnior Filippo (PSD) teve 15,69% e 9.750 votos. Dr. João Carlos teve 6,03% e 3.749 votos, e Cezar da Florestal (PP) 0,72% e 450 votos. Foram 4,59% de voto brancos e 4,94% de votos nulos.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?