Caraguá registra surto de Covid-19 em escola infantil

Prefeitura suspende aulas até o próximo dia 15; seis frequentadores são contaminados

O Centro de Educação Infantil Messias Mendes, em Caraguá, que teve surto de casos de Covid-19 (Foto: Reprodução)

Da Redação
Caraguatatuba 

Após um surto de casos do novo coronavírus (Covid-19), a Prefeitura de Caraguatatuba anunciou na manhã da última terça-feira (1), a suspensão das aulas no Centro de Educação Infantil Messias Mendes, que fica no bairro Ipiranga. Como medida de prevenção ao contágio da doença, a unidade escolar permanecerá fechada por duas semanas.

Divulgado no site oficial da Prefeitura de Caraguá, o comunicado da secretaria de Educação informou que 14 moradores que estiveram recentemente na escola foram submetidos a testes na última semana. Apesar de não divulgar se os exames foram realizados em alunos ou funcionários, a administração municipal revelou que foram confirmados seis infectados pelo novo coronavírus. Em contrapartida, cinco testaram negativo e outros três aguardam os resultados dos exames.

Apesar da suspensão das aulas presenciais na unidade, que atende crianças de 0 a 5 anos, os professores seguem enviando atividades aos alunos pela internet.

De acordo com a secretaria de Educação, a interdição da escola, por 14 dias, atende aos protocolos de segurança recomendados pelo Governo do Estado.

A pasta ressaltou ainda que em todas as escolas infantis e secundárias municipais estão sendo realizadas, frequentemente, ações de limpeza e desinfecção das salas de aula e demais ambientes. Além disso, os profissionais da Educação fiscalizam o cumprimento das medidas de distanciamento social, exigidas pelo Ministério da Saúde.

A reportagem do Jornal Atos solicitou à Prefeitura de Caraguá a confirmação sobre o número de alunos e o de funcionários contaminados no Centro de Educação Infantil Messias Mendes, mas nenhuma resposta foi encaminhada até o fechamento desta edição.

Pandemia – Segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Prefeitura, Caraguá contabiliza até o fim da tarde desta quarta-feira (2), 15.612 moradores infectados, sendo 381 mortos e 101 internados, entre eles 44 são tratados na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e 57 no setor clínico.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?