Famílias de Moreira César protestam contra falta de água

Moradora relata interrupção do serviço do por cerca de dez horas; no bairro Vila Rica, homem aponta “cheiro e gosto desagradável” na água

“Torneiras secas”; moradores de Pinda reivindicam soluções para falta e qualidade da água (Foto: Bruna Silva)

Bruna Silva
Pindamonhangaba 

Os moradores do distrito de Moreira César sofreram, na última segunda-feira (16), com o desabastecimento de água. Conforme a Sabesp, houve vazamento numa adutora que fez com que o serviço fosse paralisado durante o dia.

Os bairros do Vale das Acácias, Laerte Assunção, Liberdade, Mantiqueira e também do Feital ficaram sem o abastecimento do serviço de água. De acordo com a moradora do Vale, Lisa Oliveira Rodrigues, de 41 anos, o serviço foi interrompido ainda pela manhã, por volta das 9h. O atendimento foi normalizado no início da noite, “aí vem com aquela pressão, que você mal consegue abrir a torneira e ‘tava’ bem esbranquiçada de tanto cloro. Nem tive coragem de usar”, comentou. Ela afirmou ainda que as interrupções do serviço, no bairro, são bastante frequentes.

Outro morador de Pindamonhangaba também reclamou, pela internet, do “cheiro e gosto desagradável” da água.

Por meio de nota, a Sabesp informou que o abastecimento foi normalizado. O transtorno teria sido causado por um vazamento na adutora que a abastece a região. A equipe da empresa finalizou o reparo às 18h, e então passou a ocorrer o retorno do serviço gradativamente. Em relação ao morador que se queixou do gosto e odor da água, a empresa relatou que segue em diálogo com o cliente. “Para verificação de outros casos como esse, é necessário que se informe o endereço completo do imóvel, incluindo nome da rua e número da casa, para que uma equipe possa ser enviada ao local para avaliar a situação. A Sabesp está à disposição pelos telefones 195 e 0800 055 0195 (ligação gratuita), pela Agência Virtual no site sabesp.com.br, ou pelo aplicativo da Sabesp para Android e iOS”, finalizou.

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?