Operação de combate ao tráfico de drogas prende sete pessoas em Ilhabela

Policiais apreendem maconha e anotações sobre a venda de entorpecentes; Dise tenta identificar outros membros da quadrilha

Drogas, dinheiro e aparelhos celulares apreendidos por operação policial em Ilhabela; ação leva a prisão sete pessoas (Foto: Divulgação)

Da Redação
Ilhabela

Buscando desarticular uma das principais quadrilhas de tráfico de drogas que atuam no Litoral Norte, a Polícia Civil deflagrou uma operação na última quarta-feira (29) em Ilhabela. Além da apreensão de drogas e de cadernos de contabilidade, a ação resultou na prisão de sete criminosos.

Batizada de “Lost Island”, que em português significa Ilha Perdida, a operação comandada pela Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) de São Sebastião cumpriu mandados de busca e apreensão em 11 endereços de Ilhabela. Contando com o apoio de equipes do 20º BPMI (Batalhão da Polícia Militar do Interior) e do canil do Baep (Batalhão de Ações Especiais da Polícia) de São José dos Campos, os policiais civis prenderam cinco homens e duas mulheres.

Nos imóveis vistoriados, que não tiveram seus bairros divulgados, os agentes de Segurança encontraram 1,3 quilo de maconha, dividido em um tijolo, quatro porções e 16 barras embaladas para a venda. Além de uma quantia de R$ 1,6 mil, foram apreendidos também 15 aparelhos celulares, diversos apetrechos para o embalo dos entorpecentes e anotações sobre o fluxo de venda de drogas.

De acordo com o setor de comunicação social do 20º BPMI, o homem apontado como chefe da quadrilha foi um dos presos pela operação.

Segundo a Dise, o trabalho investigativo continua em andamento para a identificação de outros integrantes do grupo criminoso.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?