Na primeira coletiva, Ballerini promete respeito entre poderes e anúncio de “secretariado político” para as próximas semanas

Em encontro com jornalistas, prefeito eleito destaca investimento na Educação e capacitação para primeiro emprego

O prefeito eleito, Sylvio Ballerini, durante primeiro encontro com jornalistas da região (Foto: Rafaela Lourenço)

Rafaela Lourenço
Lorena

O prefeito eleito em Lorena, Sylvio Ballerini (PSDB), realizou a primeira coletiva de imprensa nesta terça-feira (17). O tucano agradeceu os votos recebidos no último domingo (15), falou sobre propostas e garantiu a apresentação do novo secretariado até o dia 10 de dezembro. O discurso para o futuro da cidade é de uma gestão participativa e de bom atendimento ao público.

Realizada no prédio da Acial (Associação Comercial, Industrial, Autônomos e Liberais), a coletiva marcou o primeiro encontro dos irmãos Ballerini’s, aberto a imprensa regional. Questionado sobre a composição do primeiro escalão, o prefeito destacou que serão secretários técnicos políticos para desempenhar o conhecimento na área e o relacionamento no município. “Ele não pode ser político técnico, porque você faz política, mas politicas certas. Então você tem que ter um secretário que além de ter conhecimento ele tenha uma capacidade de conversar, de ir atrás para resolver os problemas”.

Já o vice-prefeito, Humberto Ballerini, não assumirá pastas do futuro governo.

Na Educação, o prefeito frisou a necessidade de uma maior valorização dos professores, porém, não confirmou a existência de um plano de carreira para a classe.

Ele acredita que as escolas precisam de mais manutenção preventiva, aos profissionais mais capacitação, incentivo as universidades e colégios técnicos locais e principalmente investimento nas escolas integrais para que as crianças saiam das ruas. “Em seguida, faremos uma filosofia de minha vida! A criança precisa ter atividade, pra ter energia, tirar a ociosidade e dar atividades esportivas, culturais e arte”.

O novo chefe do Executivo também divulgou estar conversando com empresários para que além de investir em cursos profissionalizantes, os jovens possam ter estágios e a oportunidade do primeiro emprego.

Além de temas como saúde, meio ambiente e trabalho com os jovens, Ballerini garantiu que sua gestão será pautada no respeito e amplamente aberta para a imprensa regional.

Sobre o diálogo entre os poderes Executivo e Legislativo, Sylvinho, que garantiu base forte entre os 17 eleitos, espera que não terá problemas com os vereadores eleitos para o novo pleito e ressaltou já estar conversando com alguns parlamentares. “Pelo resultado da eleição, nós temos uma maioria, o que não quer dizer que você vá mandar na cidade, mas com a maioria você pode dialogar”, frisou Sylvinho ao destacar que mais de 120 candidatos à Câmara e grupos que se aliaram a ele. “Uns quiseram vir comigo, eu vou ter que respeitar, mas o vereador vai ter que assumir a função dele na Câmara. Trabalhar em benefício da população, de reivindicar coisas boas, de cobrar do prefeito também, coisas erradas, mas cobrar educadamente e o prefeito da mesma maneira, responder com claridade”.

Ballerini que ao ser questionado sobre respeito e as expectativas em relação ao nível de discussões no Legislativo, lembrou ataques verbais recebidos durante a campanha. Ele garantiu ser contrário ao discurso bélico da política lorenense dos últimos anos.

Seu vice, encerrou a coletiva com o discurso de transparência para uma “gestão participativa” nos próximos quatro anos. “Vocês (imprensa) vão sentir a diferença de um prefeito que vai atender vocês como merecem e queremos contar com vocês para que se divulgue tudo aquilo que acontece na cidade de Lorena”.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?