Prefeita acusa médico de dormir durante plantão em Ubatuba

Profissional garante que estava em período de descanso e registra boletim de ocorrência contra Flavia Pascoal; Executivo substitui clínico

A prefeita Flavia Pascoal e o vereador Josué Lourenço gravam vídeo para acusar médico de dormir no PA de Ubatuba (Foto: Reprodução)

Da Redação
Ubatuba

Acusado pela prefeita de Ubatuba, Flavia Pascoal (PL) de dormir durante o plantão numa unidade de Pronto Atendimento, um médico registrou na última quarta-feira (5) um boletim de ocorrência contra a chefe do Executivo. O profissional de saúde revelou ainda que moverá uma ação judicial por danos morais contra a gestora da cidade litorânea.

Em um vídeo publicado no fim da tarde da última terça-feira (4) em sua página no Facebook, a prefeita afirma que havia acabado de flagrar um médico do PA do bairro Maranduba deitado numa sala em pleno expediente. Visivelmente irritada e ao lado do vereador Josué Lourenço (Avante), Flavia criticou a postura do profissional, que não teve o nome revelado, e anunciou as providências que tomou após o episódio. “Não aceito como prefeita esse tipo de atitude. Já acionei a secretaria de Saúde e vamos trocar esse médico. Aqui é para atender o povo e não para deixá-lo esperando”, esbravejou a prefeita no vídeo.

Com quase mil compartilhamentos no Facebook, a publicação recebeu centenas de comentários de moradores de Ubatuba, maioria favorável ao ato de Flavia.

Já na manhã da última quarta-feira, o médico registrou um boletim de ocorrência contra a prefeita na Delegacia de Ubatuba. Durante entrevista ao portal de notícias do Litoral Norte “Tamoios News”, o clínico, que pediu para que sua identidade fosse preservada, classificou o ato de Flavia como humilhante e vexatório. O profissional acusou a prefeita de desrespeitar o local privativo dos médicos no PA e o seu direito legal a um período de descanso. Ele revelou também que moverá uma ação judicial por danos morais contra a prefeita.

De acordo com a Prefeitura de Ubatuba, o profissional já foi substituído por outro, na unidade de Saúde do Maranduba.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?