Cidades do Litoral Norte contabilizam perdas após temporais do domingo

Nove famílias ficam desabrigadas em Ubatuba e 34 pessoas alojadas em escola municipal; Ilhabela registra deslizamentos de terra

Viatura da Defesa Civil de Ubatuba; cidades  sofrem com alagamentos e deslizamentos ocasionados pelas chuvas (Foto:  Divulgação Defesa Civil)

Lucas Barbosa
Litoral Norte

As fortes chuvas que atingiram a região neste último fim de semana deixaram estragos em três cidades do Litoral Norte. Município mais afetado pelos temporais, Ubatuba sofreu alagamentos que deixaram um saldo de 34 moradores desabrigados.

Em nota publicada em seu site oficial na manhã desta segunda-feira (21), a Prefeitura de Ubatuba revelou que registrou 211 milímetros de chuva entre as noites do último sábado (19) e de domingo (20), volume previsto para todo o mês de março. O fato ocasionou alagamentos em diversos pontos da cidade litorânea, principalmente no Centro e no Parque Guarani, deixando nove famílias desabrigadas após terem suas casas invadidas pela água. Os 34 moradores (21 crianças e 13 adultos) foram encaminhados pela secretaria de Assistência Social à escola municipal Padre José de Anchieta, no bairro Sumaré, onde permanecem alojados. Segundo o Executivo, a expectativa é que as famílias retornem aos seus lares até o fim desta segunda-feira.

A nota oficial informou ainda que equipes municipais atuaram no último fim de semana na remoção de oito árvores, distribuídas por diversos bairros, que caíram durante as tempestades. As fortes chuvas resultaram ainda no último domingo em interrupções momentâneas na distribuição de água na cidade, já que o sistema de captação da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) foi prejudicado por uma grande quantidade de areia, galhos, lama, pedras e terra. A situação segue normalizada na manhã desta segunda-feira.

Já em Ilhabela, os estragos se concentraram no bairro Camarão. Segundo a Prefeitura, ocorreram dois pequenos deslizamentos de terra na estrada do Camarão e a queda de árvores que danificaram a rede elétrica e dois carros. Ninguém ficou ferido e o sistema de energia recebeu os reparos necessários na noite do último domingo.

De acordo com o Executivo, o volume de chuva registrado entre sábado e domingo foi de 131,7 milímetros, índice que corresponde a mais da metade do previsto para março.

Em São Sebastião, a Prefeitura informou em nota oficial que a região mais prejudicada pelas fortes chuvas foi a Costa Sul, onde ocorreram inundações de casas nos bairros Baleia Verde, Barra do Sahy e Barra do Uma. Apesar dos problemas, os moradores não precisaram deixar suas residências. Foram registradas, também no último domingo, quedas de árvores na rodovia SP-55, na altura da praia Toque-Toque-Pequeno. O trecho foi desobstruído no fim da noite.

Em nota oficial, a Prefeitura de São Sebastião revelou que o volume acumulado de chuva no último fim de semana atingiu quase 264 milímetros, mais da metade do esperado para março.

Ao contrário das cidades vizinhas, Caraguatatuba não registrou incidentes causados pelos temporais.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?