Bolsa Trabalho ameniza impacto da crise social na RMVale

Programa estadual está com inscrições abertas; salários de R$ 540 e cursos de qualificação profissional

Atividade do programa Bolsa Trabalho em parceria com o Senai; inscrições seguem abertas até o dia 17 de junho (Foto: Reprodução Gesp)

Jessica Alves
RMVale

A abertura de novas vagas para o auxílio Bolsa Trabalho, extensão do Bolsa do Povo, elevou as expectativas nas cidades da região. Anunciada na última segunda-feira (30), pelo governo do Estado, a ação beneficia a população desempregada com um auxílio de R$ 540 mensais durante o período de cinco meses e uma qualificação técnica de oitenta horas, oferecida pela Univesp (Universidade Virtual do Estado de São Paulo).

Até o momento, mais de mil vagas foram divulgadas na região, em cidade como Lorena (220 vagas), Pindamonhangaba (260), Cruzeiro (300), Caraguatatuba (200), Ubatuba (180) e Aparecida (não divulgou número de vagas abertas).

O trabalho tem carga horária será de quatro horas diárias, com cinco dias por semana.

As solicitações podem ser feitas até o próximo dia 17. Participar é necessário ser residente do estado de São Paulo a pelo menos dois anos, estar desempregado, ter renda per capita de até meio salário mínimo (R$ 606) e não receber Seguro Desemprego ou qualquer outro programa assistencial equivalente. O recurso abrange apenas um beneficiário por núcleo familiar.

A partir da lei nº 17.372, em maio de 2021, a iniciativa foi integrada ao programa Bolsa do Povo, que reúne ações sociais estaduais destinadas a pessoas em vulnerabilidade social. O cadastramento pode ser feito de maneira online pelo site bolsadopovo.sp.gov.br.

Caso necessário, as famílias podem entrar em contato com os canais de atendimento das prefeituras (sites e redes sociais) para solicitar ajuda. Em Lorena, o diretor do departamento de aquisições patrimoniais e membro da secretaria de Desenvolvimento Econômico, Benedito Roberto Ribeiro, enfatizou que “Todos que precisarem manter contato poderão vir à prefeitura, na secretaria de desenvolvimento econômico e também pelo telefone 3185-3047”.

Bolsa Trabalho – O programa foi criado com objetivo de oferecer ocupação, qualificação profissional e criar uma renda a famílias em situação de sérias dificuldades econômicas.

Além do pagamento, a ação garante cursos profissionalizantes virtuais, seguro de acidentes e atividades de trabalho em órgãos públicos por quatro horas diárias de segunda a sexta-feira.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?