Piquete projeta calçadão e reforma de praças com convênio de R$ 500 mil

Reformulação da região central deve ganhar nova via para auxiliar o trânsito e espaços para comercialização e cultura

A praça do Jambeiro, que deve ser ampliada com novo projeto de revitalização do Centro de Piquete (Foto: Reprodução)

Rafaela Lourenço
Piquete

A região central de Piquete deve passar por revitalizações ainda no início de 2022. A Prefeitura pretende ampliar praças e abrir novas vias para auxiliar o fluxo de veículos. As mudanças devem ser realizadas com R$ 500 mil do Governo do Estado de São Paulo.

O programa de obras, que contemplam as praças da Bandeira e do Jambeiro teve início com o projeto de revitalização do Mercado Municipal, que segue para a abertura do processo licitatório com previsão de entrega até março. Neste serviço, R$ 90 mil já estão reservados.

De acordo com a arquiteta da Prefeitura, Fernanda de Carvalho os projetos foram definidos com a participação popular, que opinou junto à equipe técnica, apontando as reais necessidades como mais acessibilidade, mais bancos confortáveis e espaços para manifestações culturais.

Com o convênio junto à secretaria de Desenvolvimento Regional para infraestrutura no valor de R$ 500 mil, a Prefeitura deve remodelar a praça da Bandeira mantendo a identidade do local. Já a praça do Jambeiro terá o formato alterado e deve receber uma nova via de acesso para reorganização do trânsito. “Fica mais fácil para as pessoas circularem, como ir ao banco, um espaço de convivência. De repente, colocar umas barraquinhas para as pessoas comercializarem ali”, salientou Fernanda ao citar que todo o projeto é voltado para a convivência.

A intenção é interligar as praças alargando uma das calçadas, transformando-a em calçadão. A região receberá ainda uma área verde, como a arborização da avenida Comendador Custódio.

Toda a documentação foi para o órgão responsável, e o próximo passo será a abertura do processo licitatório. As obras devem ter início após fevereiro com uma expectativa de seis meses para conclusão. “Todo o projeto a agente andou e as pessoas vinham conversar e focamos na necessidade das pessoas. No planejado até dezembro do ano que vem, se tudo sair como estamos programando, vamos ter essa região toda renovada”.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?