Pinda recebe projeto Biblioteca do Futuro na rede municipal de ensino

Parceria entre a secretaria de Educação, Rede Educare e Novelis implanta ação para incentivo à leitura

Espaço destinado ao projeto Biblioteca do Futuro; rede municipal de ensino é foco de empresa Novelis (Foto: Divulgação PMP)

Bruna Silva
Pindamonhangaba

Como meio de incentivar a leitura na infância, a secretaria de Educação de Pindamonhangaba recebe o projeto Biblioteca do Futuro. A ação ocorre via uma parceria entre a pasta, a iniciativa Educare e a empresa Novelis.

A proposta consiste em incentivar o consumo literário entre os alunos e educadores. Até o momento, dois espaços destinados à leitura foram inaugurados em escolas municipais. A estimativa é que mais de 950 estudantes sejam beneficiados com o projeto, somente nesta primeira fase.

Foram beneficiados os alunos das escolas Professor Joaquim Pereira da Silva, no Mantiqueira em Moreira César, e Professora Maria Aparecida Arantes Vasques, no Mombaça. Com a abertura da Biblioteca do Futuro, crianças e adolescentes passaram a ter acesso a 850 livros, além de materiais lúdicos como jogos, microscópio e outras ferramentas. Os conteúdos literários abordam temas como sustentabilidade, ambientação lúdica e criativa, dinâmicas pedagógicas e instrumentos científicos.
“Além de fomentar a imaginação, o incentivo à leitura e à investigação, a ação dialoga com os cinco princípios dos objetivos do desenvolvimento sustentável; pessoas, planeta, paz, prosperidade e parceria”, ressaltou a secretária de Educação, Luciana Ferreira.

Anteriormente, Pindamonhangaba investiu cerca de R$ 7,7 milhões na aquisição de livros e jogos pedagógicos como quebra-cabeças, jogo da velha, tabuada, alfabeto, blocos lógicos, material dourado, fantoches, entre outros.

A medida busca garantir que os alunos tenham maior interação com os colegas, com parte dos jogos focados em uso em dupla ou grupos. A proposta atinge as 65 unidades educacionais do município, incluindo os CMEI’s (Centros Municipais de Educação Infantil).

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?