Pindamonhangaba avança e inaugura Complexo Infantojuvenil de Saúde Mental

Nova unidade integra rede assistência psicológica e psiquiátrica no município

Sala do novo Complexo de Saúde Mental em Pinda; unidade é destinado a tratamento de crianças e adolescente (Foto: Bruna Silva)

Bruna Silva
Pindamonhangaba

Expandindo a rede de assistência psiquiátrica e psicológica, a Prefeitura de Pindamonhangaba inaugurou, na última terça-feira (13), o Complexo de Saúde Mental Infantojuvenil. A intenção é integrar numa só área o atendimento para crianças e adolescentes.

De acordo com o Município, este é um março na rede de serviços de saúde mental. Pela primeira vez, o atendimento é estendido para menores de idade, de modo separado do público adulto.

O prédio está localizado na avenida Albuquerque Lins, ao lado da Receita Federal, e compreende a nova sede do Caps (Centro de Atenção Psicossocial) Infantil, e o novo Ambulatório de Saúde Mental Infantojuvenil, idealizado para crianças e adolescentes com transtornos leves e moderados. A meta do Caps Infantil é oferecer atendimento ao público, além de ofertar acompanhamento clínico e a reinserção dos usuários aos ambientes de convívio social, assim como garantir o exercício dos direitos civis e fortalecimento dos laços familiares e comunitários. O Complexo de Saúde Mental Infantojuvenil está sob a responsabilidade do departamento de Atenção Especial da Secretaria Municipal de Saúde.

Anteriormente, no último mês, o prefeito Isael Domingues (PL), inaugurou o Ambulatório de Saúde Mental, ao lado do CEM (Centro de Especialidades Médicas). No espaço, serão auxiliados moradores encaminhados pelas unidades de saúde do município.

Domingues ressaltou a necessidade do atendimento humanizado, principalmente na área da saúde mental que precisa acolher de maneira satisfatória os pacientes de diferentes idades.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?