Para expandir abastecimento, Sabesp anuncia investimento de R$ 50 milhões em Pinda

Medida promete melhorar o sistema de abastecimento de água no município; obras tem estimativa de dois meses para entrega

Reunião com o Prefeito de Pinda, Isael Domingues com representantes da Sabesp; empresa anuncia investimento milionário (Foto: Bruna Silva)

Bruna Silva
Pindamonhangaba

Prosseguindo com a série de anúncios de investimentos na RMVale (Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte), a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) deve investir R$ 50 milhões, somente em Pindamonhangaba. A medida visa melhorar o abastecimento de água no município.

Durante a reunião entre o prefeito Isael Domingues (PL) e autoridades municipais e da companhia, a empresa prestou contas sobre a ações de remanejamento da adutora de água em Moreira César. Somente nesta ação foram empregados mais de R$ 8 milhões com foco em modernizar a estrutura de abastecimento da região central do distrito com a implementação de mais de oito metros de tubo que interligam a estação do Carangola à região do Laerte Assumpção. O prazo estimado para a finalização das atividades é em dois meses.

“O Marco Regulatório está completando dois anos e possibilitou, entre outros, expansão de programas e obras. São ações que buscam universalizar o abastecimento de água tratada, além da coleta e tratamento de esgotos em todas as 375 cidades atendidas”, comentou o diretor de Sistemas Regionais da Companhia, Antônio Carlos Teixeira.

Buscando garantir qualidade de vida e saúde para a população, a Sabesp deve investir mais R$ 50 milhões para fortalecer o abastecimento de água e coleta e tratamento de esgoto. Nesta fase, serão beneficiados os bairros rurais como Bom Sucesso e Queiroz com melhorias no esgotamento sanitário, além do Taipas e Massaim que receberão novas redes coletoras. Assim como ações de expansão da Estação de Tratamento de Água, entre outras.

O prefeito Isael Domingues avaliou que em até dois anos os transtornos com abastecimento de água e tratamento de esgoto sejam solucionados. “Nossa cidade está crescendo e a Sabesp vem acompanhando o ritmo, pois em breve vamos levar água para a entrada da cidade, do outro lado da Dutra, sentido São Paulo-Rio de Janeiro”, finalizou.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?