Cruzeiro oferece atendimento psicológico à distância

Plano da Semus visa dar suporte à população através de serviço psicossocial durante isolamento

Prefeitura de Cruzeiro; cidade oferece atendimento psicológico a distância (Foto: Rafaela Lourenço)

Wanessa Telles
RMVale

A secretaria de Saúde de Cruzeiro disponibilizou uma rede de atendimento psicossocial gratuito à população. O plano tem como objetivo oferecer apoio aos moradores durante a quarentena e problemas causadas pela pandemia do novo coronavírus.

São 24 casos confirmados, dois óbitos e 18 suspeitos na cidade. A Prefeitura continua conscientizando a população a ficar em casa e aponta a importância da prestação de serviços psicológicos durante o isolamento social.

A organização conta com uma equipe multiprofissional e garante sigilo aos pacientes. O atendimento é realizado de segunda à sexta-feira das 7h às 16h, pelo telefone (12) 3600-3284.

As prefeituras de Aparecida e Guaratinguetá também adotaram a medida. Em Aparecida, o serviço é voltado para as famílias assistidas pelo Cras (Centro de Referência de Assistência Social) e Creas (Centro de Referência Especializado de Assistência Social). O atendimento é feito as segundas, quartas e sextas-feiras das 8h às 14h.

Violência doméstica – Além do apoio psicossocial, o Creas também oferece auxílio psicológico às crianças e mulheres vítimas de violência doméstica através do número (12) 3105-4025.

Já em Guaratinguetá, a secretaria de Saúde oferece o acompanhamento psicológico apenas para pacientes suspeitos ou positivados da Covid-19 e aos profissionais de saúde e segurança que estão na linha de frente do combate à doença. Cerca de trinta pessoas já receberam atendimento através de plataformas online, telefonemas e chamadas de vídeo. É necessário um cadastro prévio disponibilizado pelo telefone (12) 3122-3540.

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?