Cruzeiro ganha mais um polo de universidade gratuita

Univesp já atua desde 2014 na Fatec; com ensino à distância, polo da ESC disponibilizou vagas para quatro cursos

Jovens são alvo da qualificação da da Univesp; projeto ganhou mais um polo com parceria em Cruzeiro (Foto: Reprodução)
Jovens são alvo da qualificação da Univesp; projeto ganhou mais um polo com parceria em Cruzeiro (Foto: Reprodução)

Andreah Martins
Cruzeiro

Mais um polo da Univesp (Universidade Virtual do Estado de São Paulo) foi aberto na região do Vale do Paraíba. A instituição gratuita, que conta com 28 centros de ensino no Vale do Paraíba, abriu mais um núcleo em Cruzeiro, nesse segundo semestre. A parceria com o governo estadual gerou duzentas vagas para quatro cursos disponíveis no polo da ESC (Escola Superior de Cruzeiro).

Os cursos oferecidos neste núcleo são de Engenharia de Computação, Engenharia de Produção e as licenciaturas de Matemática e Pedagogia. Cinquenta computadores foram comprados, além de adaptações no espaço físico da instituição para adequar às exigências feitas pela Univesp.

Os centros de ensino são responsáveis pelo espaço físico, equipamentos, orientador dos cursos e todo suporte necessário para as atividades presenciais.

Segundo a Fatec, a universidade já atua desde 2014 na cidade, com quarenta alunos em três turmas, sendo uma de Engenharia de Produção às sextas-feiras e duas de licenciatura de Matemática aos sábados. O vestibular do segundo semestre não foi aberto no núcleo por questão de infraestrutura e a necessidade que a instituição teria em comportar os quatro cursos oferecidos. Com isso, as duzentas vagas foram destinadas apenas ao polo da ESC.

A Univesp, criada em 2012, é uma instituição exclusivamente de EAD (Educação A Distância). Ela atua em 44% do território paulista, que equivale a mais de 280 municípios. Entre as cidades credenciadas estão Aparecida, Areias, Bananal, Cachoeira Paulista, Cruzeiro, Cunha, Guaratinguetá, Lorena, Pindamonhangaba, Piquete, Queluz e Potim.

Para o segundo semestre foram disponibilizadas 1,4 mil vagas para 11 polos, entre elas Areias e Bananal, com cem vagas, para os cursos de engenharia de produção. O maior número oferecido foi para o novo polo.

Para um município se tornar credenciado é necessário manifestar interesse pelo chamamento público da instituição. No último realizado, 87 cidades foram conveniadas.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?