Últimos dias para multivacinação na região

Campanhas de vacinação têm última semana para adesão; procure uma unidade de saúde mais próxima (Foto: Reprodução EBC)

Da Redação
RMVale 

O atendimento para a vacinação contra a poliomielite segue até a próxima sexta-feira (30). A vacina é aplicada em todas as unidades de saúde do Estado das 7h às 17h, com público alvo de crianças até os cinco anos. A campanha foca ainda a imunização contra o sarampo e a multivacinação.

O Ministério da Saúde estima que o Brasil tenha hoje cerca de 11,2 milhões de crianças entre 0 e 5 anos de vida. O governo espera atingir 95% de imunização.

Também conhecida como pólio ou paralisia infantil, a poliomielite é uma doença contagiosa aguda causada pelo poliovírus, que causa infecções em crianças e adultos. Em casos mais graves, pode acarretar até mesmo paralisias musculares nos membros inferiores, ou até mesmo levar à morte. A vacinação é a única forma de prevenção. Por isso, as equipes de saúde municipais têm salientado a necessidade de se imunizar, mesmo com a pandemia da Covid-19.

Para receber a imunização da campanha é necessário a utilização de máscara de proteção, como medida para evitar riscos de contágio pelo novo coronavírus, além de apresentação de documentos como cartão SUS, RG e carteira de vacinação atualizada.

Diferente – Em Aparecida, a campanha é realizada na integra até a próxima quinta-feira (29). Na sexta-feira, os postos de saúde funcionarão das 8h às 11h, em virtude ao Dia do Servidor Público.

Campanha – Além da poliomelite, os postos de saúde de todo estado têm atendido também a campanha de multivacinação, que atingiu (até a última segunda-feira) apenas 29,5% do público-alvo; crianças e adolescentes de 0 a 14 anos.

A meta é de 95% de pessoas a serem vacinadas. A campanha também será encerrada na sexta-feira (30). No total, são oferecidos 14 tipos de vacinas que protegem contra cerca de vinte doenças: BCG (tuberculose); rotavírus (diarreia); poliomelite oral e intramuscular (paralisia infantil); pentavalente (difteria, tétano, coqueluche, hepatite B, Haemophilus influenza tipo B – Hib); pneumocócica; meningocócica; DTP; tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola); HPV (previne o câncer de colo de útero e verrugas genitais); além das vacinas contra febre amarela, varicela e hepatite A. Para a campanha deste ano, a secretaria estadual de Saúde inseriu na campanha a Meningo ACWY, que protege contra meningite e infecções generalizadas, causadas pela bactéria meningococo dos tipos A, C, W e Y.

Adultos – Também no dia 30 se encerra o prazo para pessoas de 20 a 49 anos, que ainda não se imunizaram contra o sarampo. O Ministério da Saúde ampliou (devido à baixa adesão) a campanha de vacinação que, originalmente, terminaria no dia 31 de agosto.

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?