Para conter contágio, Caraguá restringe fretamento turístico

Excursões de “bate e volta” são suspensas por tempo indeterminado; turistas devem comprovar hospedagem

Abordagens da equipe de Mobilidade Urbana em Caraguá; cidade anuncia proibição de vans e micro-ônibus de turismo (Foto: Reprodução )

Lucas Barbosa
Caraguatatuba 

Tentando reduzir o fluxo de turistas que visitam Caraguatatuba em meio à pandemia do novo coronavírus, a Prefeitura anunciou que a partir da próxima quarta-feira (23) será suspensa na cidade a entrada de vans e micro-ônibus de turismo de apenas um dia. A medida estabelece que as empresas de transporte possam atender somente passageiros com hospedagens reservadas em hotéis e pousadas.

Confirmada pelo prefeito Aguilar Junior (MDB), no último sábado (19), a alteração busca inibir o serviço de fretamento turístico conhecido popularmente como “bate e volta”, oferecido por empresas e motoristas autônomos de diversas regiões do estado, que consiste em transportar o cliente até a praia e leva-lo de volta à sua cidade no mesmo dia.

Segundo o Executivo, a modalidade contribuiu consideravelmente para as “invasões” de visitantes registradas nos últimos meses no Litoral Norte, como no feriado prolongado de 7 de setembro, o Dia da Independência, quando foram registradas aglomerações nos quatro municípios praianos da região.

Além da equipe da secretaria de Turismo, a fiscalização será realizada por agentes das pastas de Urbanismo e de Mobilidade Urbana. Os condutores de vans e micro-ônibus e ônibus que forem flagrados desrespeitando a medida serão multados.

Durante entrevista à mídia regional, a secretária de Turismo, Maria Fernanda Galter, explicou que as empresas de fretamento interessadas em transportarem passageiros até Caraguá, que permanecerão pelo menos uma noite hospedados em algum hotel ou pousada, deverão solicitar uma autorização municipal pelo telefone 156. Na sequência, serão agendadas as datas de entrada do veículo e consequentemente da fiscalização das reservas de hospedagem dos turistas.

A medida foi elogiada por moradores de Caraguá nas redes sociais, que temem o avanço da pandemia da Covid-19 no município, que até a tarde desta segunda-feira (21) contabiliza 2.231 infectados, sendo que 293 são moradores de outras cidades, 99 mortes (nove de outros municípios) e 48 internados. Em contrapartida, a secretaria de Saúde não divulgou os números de curados e de contaminados que permanecem em isolamento domiciliar.

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?