Litoral atinge marca de cem mortos pela pandemia

Mais da metade das vítimas são de Caraguá; São Sebastião lidera número de infectados

Leitos da UPA de Caraguatatuba; cidade chega a 53 vítimas fatais pela Covid-19 e litoral ultrapassa cem mortes (Foto: Reprodução PMC)

Lucas Barbosa
RMVale 

O Litoral Norte registrou na última quinta-feira a centésima morte causada pelo novo coronavírus (Covid-19). Em situação crítica, Caraguatatuba acumula 53% dos óbitos ocorridos nas quatro cidades litorâneas.

Assim como o restante da população paulista, os moradores do Litoral Norte convivem desde o fim de março com o medo diante do avanço da pandemia. Aumentando ainda mais o temor das famílias, a Prefeitura de Ilhabela confirmou na tarde da última quinta-feira a morte de uma mulher de 45 anos, fazendo com que a região litorânea registrasse o segundo óbito em menos de 24 horas causado pela Covid-19, já que na noite do dia anterior um idoso de 60 anos morreu em Ubatuba.

Com 53 vítimas fatais, Caraguá teve seu caso mais recente confirmado pela Prefeitura na última terça-feira (28). Apesar de internado na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) da Casa de Saúde Stella Maris, o idoso de 70 anos não resistiu à doença.

Segundo o boletim divulgado pela secretaria de Saúde na tarde desta sexta-feira (31), Caraguá contabiliza 775 moradores infectados, sendo que 58 permanecem internados. Entre eles, 18 são tratados em leitos de UTI e quarenta em de enfermaria. Em contrapartida, o Executivo não revelou os números de pacientes curados e o de que se tratam em suas casas.

Cidade com mais óbitos, Ubatuba teve 21 moradores mortos pelo novo coronavírus. De acordo com a Prefeitura, dos 496 casos confirmados da doença, 237 pacientes se curaram, 220 estão em isolamento domiciliar e 18 internados.

Apesar de liderar o número de infectados no Litoral Norte, com 987 casos, São Sebastião é a segunda cidade com menos vítimas fatais. De acordo com o boletim epidemiológico desta sexta-feira (31), o município contabiliza 18 mortos e 18 internados. Já os dados de pacientes recuperados e em isolamento domiciliar não são revelados pela Prefeitura.

Em situação mais amena em comparação as cidades vizinhas, Ilhabela teve oito mortes causadas pela pandemia. Já o número de infectados atinge 875, sendo 527 curados, 296 em tratamento domiciliar e quatro internados, sendo apenas um na UTI.

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?