Coronavírus avança na região e contamina mais de 4,5 mil pessoas

Pinda identificou 14 novos casos nas últimas 24h; Caraguá ultrapassou a 300 infecções, enquanto Lorena tem 120 e Guará 104 confirmações

Paciente curado de Covid-19 em São Sebastião, região tem alta de casos (Foto: Reprodução PMSS)

Bruna Silva
RMVale

As infecções causadas pelo novo coronavírus atingiram aumento expressivo na região. Na manhã desta sexta-feira (19), os casos já ultrapassavam a marca de 4.540. Já no período da noite, os boletins municipais mostraram que a situação é de preocupação (os números gerais da RMVale não haviam sido divulgados até o fechamento desta edição). Em uma semana, Pindamonhangaba verificou quarenta novas contaminações pela doença, batendo os 109 casos, enquanto Lorena chegou a 120 confirmações.

De acordo com a Vigilância Epidemiológica de Pindamonhangaba, três pacientes permanecem internados na UTI (Unidade de Terapia Intensiva), três na enfermaria e 48 estão em isolamento social em monitoramento da pasta. Um óbito foi confirmado, um jovem de 26 anos faleceu em decorrências das complicações da enfermidade que vitimou oito pessoas na cidade. A atenção está voltada para os bairros que possuem infectados como Centro, Vale das Acácias, Bom Sucesso, Mariana e Maria Áurea. No município, 46 moradores estão recuperados da doença; cerca de quarenta aguardam os resultados de testes.

Em Guaratinguetá, houve uma nova confirmação, levando o município ao total de 104 infectados, três estão hospitalizados na enfermeira. Conforme a secretaria de Saúde local, cinquenta permanecem em suas residências em isolamento para contenção da doença. Na cidade, 47 pessoas já estão curadas da Covid-19.

Lorena tem 120 identificações do vírus, segundo dados da Prefeitura a maior incidência da doença está na faixa etária entre 30 e 49 anos. Ao menos, três seguem internados para auxílio médico na UTI e 17 estão em casa isolados. A pasta responsável comemora a recuperação de 94 pacientes.

Caraguatatuba atingiu 309 casos, sendo 23 deles fatais, 17 moradores ainda estão na UTI e a taxa de ocupação de leitos disponíveis é de 61%. Aproximadamente 120 testes estão em análise para a confirmação da doença, outros 193 venceram o vírus. Ubatuba tem 107 infecções verificadas, três seguem internados para atendimento especializado. Ao menos, 23 exames estão em investigação e 75 moradores estão curados.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?