Pinda ganha unidade do Centro de Referência e Apoio a Vítima

Espaço recebe estrutura para atender vítimas e familiares que sofreram crimes violentos

Uma das unidades do Cravi inaugurada no estado; Pinda é a primeira contemplada da região (Foto: Reprodução)

Bruna Silva
Pindamonhangaba

Após a assinatura de um convênio com a secretaria de Justiça do Estado de São Paulo, recentemente, Pindamonhangaba receberá uma unidade do Cravi (Centro de Referência e Apoio à Vítima). O espaço terá como objetivo ser um local de referência em ações de políticas públicas que visem superar ciclos de violência, além de cidadania e acesso aos direitos de vítimas de crimes violentos.

O Cravi tem como função possibilitar atendimento público e sem custos às vítimas de crimes violentos e também aos seus familiares. A equipe interdisciplinar será especializada em receber, triar e encaminhar os usuários para a rede ou serviços pertinentes às demandas. A intenção é de que seja um espaço sigiloso e que promova a acolhida para ouvir e cuidar, além de apoiar, o indivíduo exposto ao sofrimento causado por um episódio de violência. O programa visa ainda o acesso facilitado às informações, assim como orientação jurídica e serviços públicos.

A medida contou com apoio do Ministério Público da cidade deverá ser implantado em breve. A previsão é de que a o Município participe disponibilizando a estrutura para atendimentos e também a equipe técnica, o MP será responsável pela coordenação.

A secretária de Assistência Social, Ana Paula Miranda, afirmou que essa ação é uma importante conquista que dará suporte a toda rede atenção de Pinda.

A expectativa é que o Cravi entre em funcionamento no próximo ano, o Município aguarda ainda a liberação do Tribunal de Justiça para o uso do antigo fórum.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?