Festival de Marchinhas de Pinda tem vagas até dia 30

Interessados devem apresentar composições carnavalescas inéditas; premiação chega a R$ 3 mil

Festival de Marchinhas de Pinda, que tem nova edição em fevereiro (Foto: Divulgação PMP)

Bruna Castro
Pindamonhangaba

As inscrições para o 13º Festival de Marchinhas Carnavalescas de Pindamonhangaba estão abertas desde o dia 16 de dezembro, e se encerram no próximo dia 30. A edição 2020, que será realizado entre os dias 14 e 16 de fevereiro, terá como tema uma homenagem a Guarani Marcondes Avelar, com a proposta de divulgar a cultura de marchinhas do município e atrair o turismo local.

Segundo o secretário de Cultura, Alcemir Palma, uma das intenções do festival, já tradicional no cronograma do Carnaval na cidade, é colocar Pindamonhangaba no circuito cultural da região. “Temos percebido que o Festival de Marchinhas se insere em vários festivais do Vale do Paraíba. O mesmo acontece com São Luiz do Paraitinga, Jacareí, Campos do Jordão, Guaratinguetá, entre outros. É um festival nacional, mas queremos que se consolide como um festival da região”.

Os candidatos podem se inscrever apenas pelo site da Prefeitura, pindamonhangaba.sp.gov.br, anexando os arquivos dos documentos pessoais em PDF (RG, CPF e autorização para integrantes de 15 a 18 anos). Cada inscrito precisa também anexar o arranjo das composições selecionadas, contendo a gravação das marchinhas, a melodia, letra e ritmo.

Serão aceitos compositores de todo o Brasil, em dupla ou individual, que poderão inscrever quantas composições desejarem, mas apenas uma composição será selecionada para as próximas fases da competição. Para a interpretação das músicas, os participantes podem indicar cantores amadores ou profissionais que deverão se apresentar em até cinco minutos.

De acordo com o edital, em casos de plágio a inscrição será vetada, assim como na ausência do competidor nos dias das apresentações. Após o encerramento das inscrições, a Comissão Organizadora irá selecionar vinte marchinhas que irão disputar nos dias 14 e 15 de fevereiro as vagas para as eliminatórias, com dez apresentações em cada dia.

As obras selecionadas serão divulgadas pelo site da Prefeitura no dia 7 de fevereiro, assim como a ordem dos ensaios e apresentações. Cada compositor será acompanhado por uma banda que não poderá ser substituída durante os ensaios que começarão na quinta-feira, dia 13 de fevereiro, a partir das 18h, na praça Padre João de Faria Fialho, a Praça do Quartel.

As marchinhas finalistas serão anunciadas ao final do segundo dia de apresentações. Os jurados avaliarão a melodia, a letra, a apresentação e a comunicação entre os participantes, quesitos que poderão ser usados como medidas de desempate.

Os vencedores receberão o prêmio ‘Alarico Corrêa Leite”, no valor de R$ 3.016,43. Os segundo e terceiro lugares receberão o prêmio “Zé Sambinha” de R$ 1.522,21 e o prêmio “Celso Guimarães” no valor de R$ 761,57, respectivamente.

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?