Parceria com Santa Casa amplia número de atendimentos ambulatoriais em Lorena

Cidade registra crescimento mensal de mais de duas mil consultas; medida busca reduzir fila de espera

Pacientes e familiares aguardam atendimento em área de espera da Santa Casa de Lorena; hospital amplia atendimento com parceria (Foto: Divulgação)
Pacientes e familiares aguardam atendimento em área de espera da Santa Casa de Lorena; hospital amplia atendimento com parceria (Foto: Divulgação)
Lucas Barbosa
Lorena
A Prefeitura de Lorena revelou na última semana que a parceria firmada no início de 2017 com a Santa Casa de Misericórdia resultou em um aumento mensal de mais de duas mil consultas e cirurgias de baixa e média complexidade disponibilizadas à população.

A iniciativa, que amplia o acesso dos moradores aos atendimentos laboratoriais, busca otimizar o   agendamento dos procedimentos, reduzindo as filas de espera.

Segundo a secretária de Saúde, Imaculada Conceição, o convênio, celebrado em maio de 2017, garantiu que além do Ambulatório de Especialidades 2, antigamente conhecido como Inamps, a população passasse a agendar consultas e exames diretamente na Santa Casa.

A partir da ampliação dos locais de agendamento, o Município registou um crescimento de 2,4 mil consultas mensais, gerando uma expectativa de impacto anual de quase trinta mil cirurgias, exames e consultas. “A Santa Casa é uma excelente parceira e estamos trabalhando de forma conjunta na busca constante por uma maior humanização e assistência à população. Através desta iniciativa, que aumentou consideravelmente o número de atendimentos, os pacientes passaram a ter mais facilidade para serem atendidos em diversas especialidades médicas”, comemorou a secretária.

Com a parceria, passaram a ser ofertadas vagas no Ambulatório da Santa Casa para as especialidades de psiquiatria, ginecologia, endocrinologia cirurgia geral, ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, vascular e urologia.

Imaculada revelou ainda outras melhorias que o convênio deve garantir às famílias de Lorena em 2018. “Além de aumentarmos em até quinhentas consultas o número total de atendimentos oftalmológicos mensais, combateremos uma demanda reprimida nas especialidades de endocrinologia e psiquiatria. Além de cirurgias de cataras, em até um mês também iniciaremos as operações de otorrinolaringologia”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>