Lorena lança pacote de obras com investimento de R$ 8,6 milhões

Programa atende pedidos de infraestrutura, saúde, entretenimento e bem estar; conclusão prevista para o fim do ano

Fábio Marcondes, com a vice Marietta Bartelega e o secretário de Obras e Planejamento Urbano, Marcos Anjos durante coletiva de imprensa (Foto: Marcelo Augusto dos Santos)

Marcelo Augusto dos Santos
Lorena

Em uma coletiva de imprensa na última quinta-feira, o prefeito de Lorena, Fábio Marcondes (sem partido), apresentou o programa “Lorena Vamos Lá”, um conjunto de obras de infraestrutura que deve atender antigas reivindicações. O projeto beneficia área rural e urbana com um investimento de R$ 8,6 milhões.

O perímetro urbano receberá revitalizações de ruas, praças, iluminação, colocação de parques infantis e drenagens de águas fluviais. Ao programa foi incorporado a revitalização da avenida Dr. Peixoto de Castro, principal entrada da cidade, que tem um investimento de R$ 2.604.820,48.

A reforma foi alvo de medidas que tentaram barrar a proposta na Câmara. Os trabalhos serão realizados por blocos de aproximadamente cem metros, com interdição parcial no trânsito e contará com serviços como o de pavimentação, ciclovia, iluminação em LED e replantio de árvores. Outra ação com destaque no pacote de obras é a revitalização da praça Baronesa de Santa Eulália, a Praça da Matriz.

De acordo com o secretário de Obras e Planejamento Urbano, Marcos Aurélio Anjos, o bairro da Vila Passos receberá grande investimento no escoamento das chuvas.

Ele listou os trabalhos que atenderão o bairro. “Vamos ali (Vila Passos), de uma região muito baixa de nível da Ferraz (alameda Geraldo Ferraz de Oliveira); temos a avenida Passos, que também é muito baixa e vamos estar cruzando essa água toda para a avenida Marechal Argolo e levar pela rua Teófilo de Freitas até o ribeirão Mandi”.

Anjos destacou ainda outros pontos atendidos, que seguirão o cronograma que já atendeu o Cidade Industrial, Vila Diva, Vila Geny, Vila Nunes, Bairro da Cruz e Vila Brito. “São mais de R$ 900 mil para drenagem da Vila Passos. Ainda na alameda Armênio Gomes, próxima à rodovia BR-459 (Lorena-Sul de Minas), temos obras para terminar drenagem, além da pavimentação.

As escolas municipais também fazem parte do cronograma, com a construção de base para caseiros, em ação que foca a prevenção e monitoramento dos espaços públicos, para evitar roubos e vandalismo.

Uma reivindicação antiga dos moradores do bairro Santa Edwiges foi atendida e uma unidade de UBS (Unidade Básica de Saúde) será construída.

Enquanto isso, na Zona Rural, a Prefeitura mantém obras como a construção de uma ponte na estrada do Cornelinho e pavimentação para o escoamento de produtores tendo um aporte de R$ 1 milhão. Todo o pacote de obras tem expectativa de entrega até o dia 31 de dezembro.

Acelerado – Entre as ações que a Prefeitura prioriza para o fechamento do ano está o Centro Eventos Municipal, que já está em construção e deve ser entregue até o final de dezembro. Com um investimento superior a R$ 2,8 milhões, o espaço público, que será erguido no bairro Parque Mondesir, terá capacidade para acomodar até 15 mil espectadores.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?