RMVale lidera novamente ranking de assassinatos no interior paulista

Dados foram divulgados pelo Estado e aponta 217 mortes nos primeiros oito meses do ano

Trabalho de atendimento da Polícia Militar; RMVale tem queda de números após oito meses (Foto: Reprodução)
Trabalho de atendimento da Polícia Militar; RMVale tem queda de números após oito meses (Foto: Reprodução)

Letícia Noda
Região

A RMVale (Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte) é, mais uma vez, a líder em assassinatos do interior de São Paulo, com 217 vítimas. Entre os meses de janeiro e agosto de 2019, foram registrados 208 homicídios e nove latrocínios (roubo seguido de morte).

De acordo com os dados divulgados na última quarta-feira pela secretaria de Estado da Segurança Pública, em segundo lugar vem a região de Campinas, com 189 pessoas assassinadas no mesmo período, seguido da Grande Ribeirão Preto, com 151.

Apesar se estar no topo do ranking, a região tem o menor número de mortes violentas desde 2008, quando registrou 180 homicídios e 19 latrocínios.

Outros crimes também apresentaram redução no Vale, comparados ao ano anterior. Os casos diminuíram 17%, de 5.819 para 4.821 nos primeiros oito meses.

Em entrevista ao portal de notícias “O Vale”, o coronel José Eduardo Stanelis, comandante do Comando de Policiamento do Interior, afirmou que a redução no número de mortes é fruto de um trabalho conjunto da Polícia Militar e as demais instituições do Estado, e garantiu que os indicadores criminais estão sendo monitorados e que a polícia tem trabalhado para alocar o policiamento onde for mais necessário.

São José dos Campos teve redução de 13,5% no registro de vítimas de assassinatos neste período, foram 37 para 32 vítimas. Jacareí e Taubaté também tiveram redução dos índices de 4,17% e 23% respectivamente, além de Guaratinguetá, onde as mortes caíram 43%.

Caraguatatuba aumentou suas vítimas em 33%, de 18 para 24.

 

 

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?