Emprego e Saúde viram foco de cobrança dos moradores aos candidatos a prefeito de Cruzeiro

População reclama de abandono em enquete realizada nas ruas da cidade; Sete candidatos têm a chance de modificar o cenário atual

Da Redação
Cruzeiro

A insatisfação dos moradores de Cruzeiro com a atual situação que a cidade se encontra parece não ter fim. Abandono é a palavra de ordem usada pelos cruzeirenses para expressar o cenário do município, em enquete realizada pelo Jornal Atos.

Mesmo após um mês do anúncio da reabertura do Pronto Socorro da Santa Casa, saúde é a principal cobrança para o próximo chefe do Executivo. Além do déficit no atendimento da Santa Casa, a dificuldade com transportes e a falta de material básico (até mesmo gase faltou no hospital), tem tirado o sono de pacientes da rede pública. O emprego é outra área apontada pela população que precisa ser revertida, já que as demissões em massa têm ocorrido na principal empregadora da cidade, com frequência.

Diante do caos, a disputa pelo cargo tem sete pretendentes. Na última eleição, nenhum dos candidatos tentou ocupar a cadeira do gabinete do Executivo, ocupado atualmente por Ana Karin de Almeida (PRB). Rafic Simão (PMDB) ingressou como o vice, desfez aliança com a prefeita no período em que ocupou o cargo no afastamento de Ana Karin e se colocou como postulante de oposição. Além dele, Thales Gabriel (SD), Diego Miranda (PSDB), Juarez Juvêncio (PSB) e Sérgio Antônio (PRB) tentam a eleição, após quatro anos trabalhando como vereadores. Já outros dois concorrentes, Célio Carneiro (PSD) e Fernando Moreira (PRTS), não participaram da última eleição municipal, em 2012.

A pouco mais de um mês das eleições, o Jornal Atos foi às ruas de Cruzeiro, na última quarta-feira, para ouvir dos moradores quais áreas a próxima gestão deve investir com urgência.

Em meio a jingles em carros de som e santinhos espalhados pelo Centro da cidade, uma população cansada da desorganização, e desiludida com os rumos futuros que serão tomados a pouco mais de um mês.

enquete 4

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

× Como posso te ajudar?