Cruzeiro anuncia recurso de R$ 2 milhões para construção de Estação de Tratamento de Esgoto

Parceria com Fehidro deve beneficiar moradores da Vila Juvenal; Saae aguarda licitação para ETE Central

Estação de tratamento em Cruzeiro; Prefeitura anuncia investimento para nova estrutura para o esgoto (Foto: Divulgação Saae)
Estação de tratamento em Cruzeiro; Prefeitura anuncia investimento para nova estrutura para o esgoto (Foto: Divulgação Saae)

Jéssica Dias
Cruzeiro

O Saae (Serviço Autônomo de Água e Esgoto) de Cruzeiro e o Fehidro (Fundo Estadual de Recursos Hídricos) firmaram uma parceira para a construção de uma ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) para atender os moradores da Vila Juvenal. O Fehidro disponibilizará cerca de R$ 2 milhões para a obra. A autarquia entrará com uma contrapartida de R$ 610 mil.

A verba será disponibilizada após assinatura do convênio e publicação no Diário Oficial da deliberação do Comitê das Bacias Hidrográficas do Rio Paraíba do Sul. Após o convênio, o Fehidro libera o Saae para licitar a obra, e, após a licitação, o recurso é disponibilizado por avanço físico, ou seja, o Saae executou parte da obra, o recurso chega para o Saae.

Segundo o secretário de Obras e Serviços Públicos, José Kleber Lima Silveira Júnior, a previsão para a assinatura do convênio é dezembro ou janeiro. A previsão para o início das obras é abril, com prazo de seis meses para execução. Para Silveira, a Vila Juvenal foi escolhida para a construção de uma ETE por ser uma das regiões com maior demanda no município. O bairro conta com esgoto sem tratamento e a céu aberto. “A gente vai licitar agora no mês de janeiro a ETE Central, que vai atender cerca de 45% do município. A região da Vila Juvenal não estava contemplada nessa primeira ETE Central, que será construída com recursos próprios do Saae, por isso a gente definiu a Vila Juvenal, onde existe uma grande demanda populacional e conta com o conjunto habitacional minha casa e minha vida”.

Para a área central já existe um projeto, com recurso do Saae disponível. A licitação está marcada para a segunda quinzena de janeiro. Após a licitação entre trinta, sessenta dias dará início às obras. A ETE Central será construída próximo ao “córrego da Barrinha”, às margens do Rio Paraíba.

 

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

× Como posso te ajudar?