Vereador de Cachoeira renuncia mandato em meio à crise política

Alegando descontentamento com a política e motivos pessoais, Professor Danilo deixa Câmara e veterinário Rodolpho Borges assume

O vereador Professor Danilo que renunciou ao cargo; (Foto: Arquivo Atos)
O vereador Professor Danilo que renunciou ao cargo nesta semana; suplente, Rodolpho Borges toma posse terça-feira (Foto: Arquivo Atos)

Jéssica Dias
Cachoeira Paulista 

O vereador Danilo Luiz da Silva, o Professor Danilo (PROS) surpreendeu os demais colegas e moradores de Cachoeira Paulista na sessão de Câmara da última terça-feira. Ele protocolou a renúncia do seu mandato, em meio à série crise política, com processos de investigação no Legislativo e contra o prefeito Edson Mota (PL).

Segundo o presidente Dimas Barbosa (PTB), a justificativa de Danilo foi o desencanto com a política e de estar afetando sua vida pessoal e sua saúde. O suplente, Rodolpho Veterinário (PROS), deve ser empossado na próxima sessão de Câmara, na terça-feira.

Professor de ensino médio, Danilo Luiz da Silva, 34 anos, era atuante na Câmara de Cachoeira como oposição ao atual governo de Edson Mota, que retornou à Prefeitura na última quinta-feira, após ficar afastado por trinta dias, acusado de fraudar contratação de um escritório de advocacia e participar de um esquema que teria fraudado o Município em R$ 33 milhões.

O suplente de Professor Danilo, Rodolpho Borges de Souza Silva, 37 anos, é veterinário, solteiro, e chegou a comemorar o novo cargo na Câmara. Ele foi procurado pela reportagem do Jornal Atos, mas anunciou que só irá pronunciar após sua posse, na terça-feira.

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?