Santa Casa e secretária desmentem surto de H1N1 em Aparecida

Áudio nas redes sociais colocaram população em estado de alerta; hospital tomou procedência de prevenção

Rafael Rodrigues
Aparecida

Os moradores e funcionários da saúde de Aparecida foram pegos de surpresa com um áudio circulando via Whatsapp neste fim de semana, em que uma pessoa supostamente ligada à Santa Casa, estaria relatando um possível surto da Gripe H1N1 na entidade. A mensagem afirma que todos os funcionários do hospital estariam tomando medidas preventivas quanto à doença, e pedia para que os pacientes procurassem outra unidade.

Na manhã desta última segunda-feira, a secretária de Saúde Maria Eliane Pereira se reuniu com a equipe de Vigilância Epidemiológica e com a administração da Santa Casa para esclarecer o assunto, que segundo as próprias autoridades, não passou de especulação.

A secretária disse que até mesmo ela se assustou ao receber o áudio e logo já procurou a direção do hospital para tratar do assunto. “Estivemos juntos no fim de semana para tratar dessa questão, porque esse áudio também nos assustou. Viemos na Santa Casa investigar, mas o que temos aqui é apenas uma suspeita, de um senhor que faleceu neste fim de semana, por problemas respiratória, e coincidentemente a esposa desse paciente também ficou internada”.

Ela explicou ainda que, mesmo sendo suspeita, todos os procedimentos já foram adotados. “Estão todos com medicação, porque a partir do momento que há suspeita, iniciamos as medidas de profilaxias. Não existe surto, mesmo porque não há nem a confirmação de que eles estão com o vírus”.

O administrador da Santa Casa, Frei Daniel Kurt disse que todos os procedimentos de segurança foram tomados previamente. E que mesmo sem saber se realmente os pacientes estava com o vírus, os protocolos de segurança foram tomados. “Todo protocolo e medida de segurança, tanto em favor dos pacientes como dos funcionários foram tomados. Por isso encontraram os funcionários usando máscaras, e talvez isso que tenha assustado as pessoas”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>