Aparecida cria Centro de Enfretamento Contra Covid-19 na UPA

Com ampliação, município passa a ter novo ambulatório para testagem de pacientes com suspeita de contaminação

Prédio da UPA, que deve ser inaugurado nesta semana como Centro de Enfrentamento à Covid-19 (Foto: Marcelo A. dos Santos)

Marcelo Augusto dos Santos
Aparecida

A partir da próxima semana, Aparecida passa ter um Centro de Enfretamento contra a Covid-19, no prédio da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) na avenida Chico Palma, que fica no bairro Santa Terezinha. A cidade atingiu a marca de 159 contaminados com a doença.

Orçada em R$ 2,7 milhões, a unidade foi anunciada em 2013 e está finalizada há anos, mas de acordo com a Prefeitura, o local precisava de uma autorização do Ministério da Saúde para que o prédio possa ser utilizado para outra função, já que uma UPA é inviável por conta dos custos de manutenção.

Com a liberação, o espaço, a princípio, será mais um local para as pessoas que apresentarem sintomas do novo coronavírus, que serão atendidas com testes rápidos e swap (com uso de hastes de algodão para coleta nasal), porém a internação e avaliações mais criteriosa continuam sendo feitas na Santa Casa de Misericórdia. Além disso, apenas moradores de Aparecida serão atendidos.

A secretária de Saúde, Ana Carolina Sbran, informou que o atendimento será de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. “Devido à pandemia do novo coronavírus e a necessidade de ampliar esses serviço aos cidadãos, nós vamos instalar aqui o Centro de Enfretamento Contra o Covid-19, que será responsável pelo atendimento, orientação e triagem desses pacientes”, explicou a secretaria em um vídeo publicado na página do Facebook da Prefeitura.

Ainda segundo Ana Carolina, todo a equipe da Vigilância Epidemiológica estará no prédio para atendimento e orientação.

Após o termino do atendimento de UPA, o prédio passará a ser utilizado como Centro de Especialidades Medicas, Centro de Diagnostico, Fisioterapia, Farmácia e Vigilância Sanitária e Vigilância Epidemiológica.

Até esta sexta-feira (31), o município já registrou 159, sendo 106 recuperados, 42 em isolamento domiciliar, 3 internados na Ala Covid da Santa Casa e um em outro hospital e 7 óbitos. A última morte registrada, nesta sexta-feira (31) é de um homem de 83 anos, que sentiu os primeiros sintomas no último dia 6 e deu entrada no Pronto Socorro no dia 11. Ele tinha histórico de doença cardiovascular crônica.

Doação – Com a Pandemia do novo coronavírus, a Campanha Inverno Solidário deste ano está arrecadando apenas cobertores novos, que são doados para entidades carentes e famílias em vulnerabilidade.

Nesta semana, a cidade recebeu 55 novas unidades, sendo trinta da agência do Banco do Brasil e 25 dos funcionários da Sicredi.

Todas as doações serão repassadas pelo Fundo Social para a secretaria de Desenvolvimento e Promoção Social, que destinará os cobertores para as famílias mais necessitadas da cidade.

Os interessados em fazer uma doação podem entregar o material na sede da secretaria, que fica na rua Jaime Ribeiro, nº 75, no Centro, das 8h às 17h.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?