Acusados por matar vizinha, pai e filha seguem foragidos em Ubatuba

Briga por som alto acaba em assassinato; atacada por dupla, mulher de quarenta anos é baleada no rosto

A Polícia Civil investiga caso de assassinato em Ubatuba; suspeitos, pai e filha sem foragidos (Foto: Reprodução)
PC investiga assassinato em Ubatuba; suspeitos, pai e filha seguem foragidos (Foto: Reprodução)

Da Redação
Ubatuba

Acusados de assassinarem uma vizinha e espancarem outra na última terça- feira (5), pai e filha seguem procurados pela Polícia Civil de Ubatuba. De acordo com as investigações, o que crime ocorreu durante um desentendimento por conta de som alto.

Segundo o boletim de ocorrência, as vítimas estavam ouvindo música em sua casa no bairro Cachoeira dos Macacos, quando os vizinhos apertaram a campainha por volta das 4h. Afirmando estarem incomodados com a altura do som, pai e filha começaram a discutir com as amigas.

Após uma delas, que tinha 40 anos, supostamente negar-se a abaixar o   volume, o homem sacou sua arma de fogo e efetuou um disparo fatal contra o rosto da mulher. Na sequência, a filha do assassino desferiu diversos golpes de barra de ferro contra a outra vizinha.

Na sequência, os agressores entraram em um carro, fugindo sentido a região central da cidade litorânea.

Acionado por moradores do Cachoeira dos Macacos, o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi até o local, onde constatou a morte de uma das amigas e encaminhou a outra à Santa Casa de Ubatuba. A ferida permanece internada na unidade, mas não corre risco de morrer.

De acordo com a Polícia Civil, estão sendo realizadas diligências em diversos pontos do município na tentativa de localizar os criminosos. Até o momento, pai e filha permanecem foragidos.

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

× Como posso te ajudar?