Silveiras endurece regras contra descarte em terrenos

Ação tenta conter dengue e aparecimento de escorpiões; multas devem ser aplicadas a partir de março

Mato toma conta de terreno em Silveiras; cidade intensifica fiscalização de descarte irregular (Foto: Reprodução PMS)

Da Redação
Silveiras

Para evitar a proliferação de animais peçonhentos e mosquitos transmissores da dengue em Silveiras, a Prefeitura anunciou que a partir de março intensificará a fiscalização contra o descarte irregular de lixo e entulhos em terrenos. Caso não mantenham a limpeza das propriedades, os donos poderão ser multados.

Publicado na página oficial da Prefeitura no Facebook, na última quinta-feira (18), o comunicado informa que a partir do próximo dia 1 os moradores serão proibidos de colocar entulhos nas calçadas ou caçambas nas ruas sem comunicar previamente o Executivo. A iniciativa tenta garantir uma melhor organização no cronograma de recolhimento dos objetos por parte da equipe de limpeza municipal, evitando o acúmulo de restos de construção nas vias, o que pode gerar o aparecimento de escorpiões.

O comunicado destaca também que a administração municipal intensificará as fiscalizações para averiguar se os proprietários de terrenos estão os mantendo limpos, contendo o crescimento de mato e o acúmulo de lixo e água parada, cenário que contribui para a proliferação do mosquito transmissor da dengue, o Aedes aegypti.

De acordo com a atual gestão municipal, comandada pelo prefeito Guilherme Carvalho (PSDB), os donos que forem flagrados, pela primeira vez, desrespeitando as regras serão advertidos verbalmente. Em caso de reincidência, eles serão notificados. Se a infração persistir, serão multados.  O valor da penalização será divulgado pelo Executivo até o fim deste mês. “Decidimos adotar esta medida como uma forma de preservar a saúde da população. Sabemos que o acúmulo de água parada e de entulhos acaba atraindo os mosquitos da dengue e escorpiões. Esperamos que os donos se conscientizem sobre a importância de cuidarem de suas propriedades. Isto é um ato de cidadania e de respeito ao próximo”, afirmou o prefeito.

Carvalho solicitou ainda o apoio da população na fiscalização contra o abandono dos terrenos e demais irregularidades. As denúncias devem ser realizadas através do telefone: (12) 3106-1150.

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?