Bastidores da Política

Ligações perigosas 

Torrada
Torrada

Entre os notáveis do mercado eleitoral para prefeitura de Cachoeira, que no momento disputam os 35% de eleitores passionais e definidos, Torrada perdeu muito com sua aproximação com Edson Mota – sem receber em troca o apoio de seus ainda eleitores; Aloísio Vieira vai precisar de um bom vice, além de um atestado de saúde confiável; Tio João do Açaí precisa mais de que uma publicidade do seu nome – tem que ter plano de governo cabível; Breno Anaya precisa ‘crescer para aparecer’ e torcer para dar uma amnésia coletiva nos eleitores quanto sua postura na Câmara.

Pelo menos isso é o que se ouve pelas esquinas da cidade. Perguntem ao Fernando Hummel!!!

 

‘Separação de corpos’

Dina Aparecida 2
Dina Moraes

A Justiça de Aparecida quer manter uma distância segura entre o esposo da prefeita Dina Moraes, o advogado José Dimas, e as decisões da Prefeitura.

Em decisão recente, a juíza pediu inclusive a exoneração de Dimas da Promoção Social, cargo que segundo entendimento da magistrada, vinha exercendo como pretexto para frequentar os setores da administração, em especial os ligados às licitações e negócios.

Sobre ‘separação de corpos’, ainda não se ouviu nada a respeito, mas sobre a frequência do ‘advogado-esposo’ nos espaços municipais, a coisa já virou ação de improbidade administrativa!!!

Filme repetido

Erica ddddddddd
Erica Soler

Não é apenas a prefeita de Aparecida, Dina Moraes, que vem encontrando dificuldades conjugais – a vista da Justiça – no exercício do mandato.

Sob suspeita de influência do cônjuge, em Potim, o filme é repetido e a recomendação é a mesma para prefeita Erica Soler. A juíza da comarca pode exigir até imagens de monitoramento internas da Prefeitura e com som, para verificar se o popular Mateuzão está obedecendo às ordens de se afastar das decisões da administração.

Durmam com este barulho!!!

Um passo à esquerda

O mercado eleitoral de Lorena pode ficar mais aquecido que o esperado no ano que vem. Um grupo ligado ao PCdoB vem se reunindo para viabilizar o nome do Doutor em Educação, Daniel Munduruku – figura que atrai intelectuais e pensadores focados no social. Com a possibilidade de disputar com chapa completa para vereador, o tom dos debates durante campanha podem colocar muitos concorrentes de saia justa, já que Júlio Del Tio deve a ser o representante do prefeiturável na plataforma ‘mais à esquerda’…

Perguntar não ofende

Procede que a Casa de Leis de Lorena está ‘investindo’ cerca de R$100 mil por mês para adaptar o projeto ‘Câmara sem Papel’? De acordo com a turma da Praça, ficaria mais barato deixar o papel por mais um século! Com a palavra o presidente Mauro Fradique, que atende pela alcunha de Maurinho…

Os números falam

Os palacianos de Marcus Soliva passaram o feriado da semana passada viralizando nas redes sociais os números da queda da violência e de multas no trânsito em Guará, após um ano da implantação das câmeras de vídeomonitoramento. Aparentemente, um ato de desagravo à oposição, que atribuia ao sistema como ‘fábrica de multas’ na cidade.

Recorde em indecisos

Os últimos números eleitorais pesquisados em Cachoeira Paulista revelaram que cerca de 68% dos eleitores estão indecisos quanto aos nomes divulgados como eventuais candidatos a prefeito para 2020, destacando a cidade como recorde entre as demais do Vale. Outro índice alarmante pesquisado é a incerteza dos moradores quanto ao futuro e as consequências da administração de Edson Mota.

Colcha de retalhos

Comenta-se pelos corredores da municipalidade de Pinda que se depender de alguns vereadores, a tão sonhada ‘bolsa de estudos’ – proveniente de um projeto do prefeito Isael Domingues – não virá tão cedo. Esta semana, a votação do projeto foi adiado mais uma vez na Câmara, por conta de uma ‘nova’ emenda – proposta pelo vereador Osvaldo Negrão. Disseram que a cada semana, um dos parlamentares apresenta um retalho na colcha e empurra a votação pra frente. Pelo jeito, vai acabar o ano letivo sem bolsa e no próximo, é eleição, aí não pode…

Não convidem para…

…mesma picanha – o vereador Márcio Almeida e o ex-prefeito Junior Filippo, principalmente se o assunto for gratidão, e na churrasqueira estiver o também ex-prefeito Francisco Carlos!!!

Repercussão

Comenta-se na boca pequena de Pinda que a soltura de Lula pode refletir negativamente na eleição do ano que vem. Pelo menos um dos propensos candidatos, que acabou frustrando os eleitores de centro direita, ao comandar freneticamente uma caravana rumo a São Bernardo do Campo para comemorar o tal de ‘Lula livre’. A iniciativa de Herivelto Vela, mesmo defendendo o PT, foi considerada desastrosa pelos pensadores da política local, porque a julgar pelas últimas eleições, os petistas do pedaço não tiveram votos suficientes para garantir vaga na Câmara, muito menos para eleger prefeito.

Bola da vez

Os bons resultados da gestão pública do prefeito de Pinda, Isael Domingues (PL), está motivando uma ‘fila’ de interessados em postular como seu vice em 2020. Além do ex-secretário de Esportes, Éverton Chinaqui, querem ‘pegar carona’ na boa cotação de Isael os vereadores Felipe Cesar (PV), Magrão (PL), Gislene Cardoso (DEM) e, parece que até Roderley Miotto estaria a espera de um convite para se alinhar partidariamente. Neste final de semana, numa roda de moradores do Paineiras, conjecturaram uma aproximação de Myrian Alckmin como sinalização de uma nova aliança. Apesar de ainda não ter definido nomes e alianças, Isael caminha a passos largos rumo à sua reeleição, após o lançamento de um pacote de obras com melhorias tanto na periferia como na região central da cidade, não descartando ainda, a hipótese de continuar com Ricardo Piorino para seu provável segundo mandato…

Sob nova direção

Em ritmo de eleições 2020 o MDB de Potim está sob nova direção. A indicação do ex-vereador Emerson Tanaka para presidência do partido na cidade foi homologada pela cúpula estadual, e as reuniões locais para articular a futura campanha já começaram. Não é novidade para ninguém que um dos grandes concorrentes da prefeita Erica Soler em sua disputa pela reeleição é o Tanaka, que desde o início do atual governo articula nos bastidores a formação de grupo de postulantes à Câmara.

‘Zona franca’

Romeiro
Romeiro

Faltando 13 meses e dez dias para o término do governo do Fábio Marcondes em Lorena e, até o momento, sem a indicação oficial de um candidato à sucessão, os eleitores observam a cidade se transformando numa espécie de ‘zona franca’ eleitoral com o surgimento de ‘novos nomes’ – porém, velhos conhecidos da política local.

Neste último feriado, a construção da provável candidatura de João Bosco Romeiro (MDB) ganhou reforços com alguns integrantes da USP (ex-Faenquil), vários ex-vereadores e mulheres que postulam vaga na futura Câmara.

Choque de realidade

Soliva
Soliva

Uma pesquisa que entrevistou um universo diferenciado de pessoas que se camuflam como eleitores, auferiu que dos 100% das ‘viúvas políticas’ soltas no cenário eleitoral de Guaratinguetá, a metade são contra a administração Marcus Soliva porque não foram aceitas em cargos de conveniências; outros 25% realmente não tem nada pra fazer a não ser falar de ‘alguém’, e neste momento, o prefeito é ‘alguém’ que dá ibope malhar.

Ah! As outras viúvas restantes, geralmente estão às custas de patrocínio de dois ou três figurões que passaram pelo poder e aguardam novas oportunidades para tentar voltar ao pódio…

Mensagem cifrada

Aquele vereador de carreira que nas duas últimas eleições os respectivos prefeitos de seu palanque perderam nas urnas! Pergunta: Será que o fato vai se repetir em 2020???

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

× Como posso te ajudar?