Bastidores da Política

Remédio amargo
Isael Domingues, que rebateu as acusações feitas sobre saúde pública (Foto: Reprodução)
Isael Domingues

O anúncio do aumento da passagem do transporte urbano de Pinda dos atuais R$3,90 para R$4,40 pegou muitos de surpresa.

Aliás, até alguns vereadores que esperavam que a decisão, ou melhor, o decreto do prefeito Isael Domingues passaria pelo crivo da Câmara.

Segundo a boca pequena, esta seria a oportunidade que os vereadores teriam para um momento de ‘fama’ e média com os eleitores, mesmo com as dificuldades econômicas da empresa Viva Pinda frente ao custo crescente dos combustíveis…

O que muitos querem saber
Por que o georreferenciamento adotado pela Prefeitura de Lorena (a exemplo de outras cidades) para acertar a realidade das edificações com as metragens contidas no cadastro geral do município irritou tanto o presidente da Câmara, ao ponto dele (o Tão Vagner) declarar ‘guerra’ ao prefeito Fábio Marcondes?
Vida curta mesmo!!!
A julgar pela malhação dos vereadores Elcinho Vieira e Tão do Vagner da Silva – com endosso do Pedro da Vila e Adevaldir Papa Defunto na sessão desta segunda-feira contra o prefeito Fabio Marcondes, por ter utilizado o termo “vida curta” ao se referir ao golpe do ‘enTão’ presidente da Câmara na cassação do colega Luizão (na base do decreto), significa um novo período de guerra entre os Poderes. Lembrando que o termo “vida curta” na política é adequado aos detentores de mandatos que perdem o feeling com os eleitores por procedimentos inadequados…
Perguntar não ofende

Tão
Tão do Vaguinho
Será que o presidente da Câmara de Lorena vai conseguir concluir as ‘enTão’ iniciadas reformas estruturais na sede do Legislativo, faltando apenas 114 dias para levantar o assento da mesa administrativa?Quantos contratos emergenciais e a que preço foram celebrados para a tal reforma, que até o momento não passou de um telhado inacabado e meia dúzia de fios elétricos esticados? Ah!

Será que pelo menos vai devolver à população o direito de acesso a informação, abrindo sua contabilidade ao Portal da Transparência?

Não convidem para…
…a mesma picanha – mais uma vez o vereador João Pita e o major Oliveira do Trânsito de Guaratinguetá, principalmente se o churrasqueiro for o repórter Datena, da Metropolitana!!! Como bem diz Pita: “onde falta planejamento, sobram desculpas”…
Rota de colisão
Rafael Goffi
Rafael Goffi

Como em política quem saca primeiro leva sempre a melhor, já que a predisposição do Executivo de Pinda em liberar o aumento da tarifa do ônibus até a última sessão não havia chegado à Câmara, o fato caiu como uma ‘luva’ para o vereador Rafael Goffi (PSDB) montar um palanque eleitoral em cima do assunto em plena campanha a deputado federal.

Goffi publicou na rede social a elaboração de um decreto legislativo para barrar a medida de Domingues. Ou seja, um decreto contra um outro suposto decreto…

Controvérsia
Pelo andar da carruagem, a administração pública de Canas – leia-se Lucemir do Amaral, está contribuindo cada vez mais para que a cidade carregue a sina dos extremos. Com o resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB, pontuando o município com a nota mais baixa da região, ficou claro que a merenda escolar servida aos alunos, pode ser de primeiro mundo, devido aos valores gastos (segundo o Portal da Transparência), mas a educação em si, de país subdesenvolvido.
Rádio peão
Corre, entre os intelectuais de Cachoeira Paulista, que talvez o prefeito Edson Mota não saiba interpretar a diferença entre ‘reforma e restauração’, porque se soubesse, não teria mandado destruir parte do Teatro Municipal, patrimônio histórico da cidade, com o pretexto de acabar com animais peçonhentos (escorpiões e baratas) do prédio.
Atirando no próprio pé
Tem gente em Guará querendo atribuir culpa ao vereador Fabrício Dias pelos mais de 50 desempregados da AC Park e pela falta de estacionamento nas ruas centrais da cidade, após a Prefeitura ter rescindido contrato com a empresa que operava a conhecida zona azul. É que tudo aconteceu (o rompimento do contrato) quando o vereador engrossou o tom de crítica contra a empresa, na tribuna da Câmara. Para agravar a situação do vereador junto a classe que torce para empregabilidade na cidade, parece que ele foi o autor da denúncia contra a empresa AC Park no Ministério Público…
Lei de Murphy
Se com a AC Park controlando as vagas de estacionamento rotativo em Guará estava ruim para alguns vereadores, a pergunta que se ouve pelas esquinas é: “agora com mais de 50 desempregados na cidade e a dificuldade que os motoristas voltaram a enfrentar para estacionar nas ruas centrais, ficou melhor para os denunciantes?” Cartas à bancada do MDB na Câmara Municipal!!!
Mensagem cifrada
Aquele candidato a deputado da região que re$olveu aplicar recursos numa determinada construção no momento mais tenso da campanha eleitoral. Rola pelo cafezinhos mais politizados do pedaço que tem companheiro de dobrada parafraseando o Fantástico: “cadê o dinheiro que estava aqui”???
Em tempo oportuno
Fábio Marcondes
Fábio Marcondes

Após um período de obras, o prefeito Fabio Marcondes entregou aos moradores e a quem tem o trecho da avenida Marechal Argolo (avenida do 5ºBIL) – sentido Centro-Vila Passos e vice versa – a ponte sobre o rio Mandi.

Sem solenidade de inauguração, na manhã desta segunda-feira, Fabio determinou a abertura da avenida e disse que a população consciente, que é a maioria, sabe da importância e do emprenho da administração em resolver o problema, e que fazer política neste momento é se igualar aos oportunistas…

Dois pesos, duas medidas
O mercado político de Aparecida ainda não absorveu a ideia do presidente da Câmara, Marcelo Marcondes, em extinguir o mandato do vereador José Reis Junior – o Dudu, na sessão desta segunda-feira, pelo simples fato de ser voluntário em uma casa de idoso da cidade. A pergunta que fica é: “será que o suposto erro de Dudu é mais grave que o também suposto delito de Elcinho Ribeiro, que chegou ser recluso (preso) e segue afastado de suas funções de vereador (embora recebendo salários) por determinação da Justiça?
Não mexe neste defunto…
…que eu vi primeiro Corre entre os bem informados de Cruzeiro que a iniciativa do prefeito Thales Gabriel em reabrir o velório municipal à população fez os empresários do ramo de cadáveres da cidade entrarem em estado de alerta ou de choque, com a possibilidade real do final do monopólio…
Surto eleitoral
Decididamente Cruzeiro bateu o recorde no Vale com o maior número de candidatos à Câmara Federal e Assembleia Legislativa. Segundo a patuleia, 12 candidatos se acotovelam no assédio aos eleitores, para talvez chegar a lugar algum. Consideraram entre os bem informados que mesmo desafiando a matemática, o colégio eleitoral da cidade é insuficiente para um, que dirá uma dúzia. Comenta-se ainda, que se não bastasse a concorrência local, cada um deles puxa um candidato de fora (geralmente um ‘estrelão bolsudo’ para bancar a fe$ta) para formar as conhecidas dobradas.
Cada um no seu quadrado
Toto Bastos
Toto Bastos

Enquanto o mercado de cabos eleitorais de Lorena ‘ferve’ no agendamento de encontros e patrocínio de festas particulares para apresentação de seus deputados (quase sempre os ‘copa do mundo’), o postulante a estadual Totô de Oliveira Bastos segue em velocidade máxima buscando convencer os eleitores sobre a importância do voto em candidatos da cidade.

Com a ausência de recursos em sua campanha, Totô ‘usa e abusa’ dos amigos e dos 72% de aprovação da administração Fabio Marcondes, um de seus principais apoiadores, seguido dos padres, sacerdotes e religiosos da região.

A fila anda
Entre um elenco considerável de vereadores e políticos (de várias tendências e partidos) que não conseguem mais ‘falar a mesma linguagem’ com a população de Piquete nos últimos anos, o conhecido Carlos da Saúde (ex-vereador e candidato a prefeito em 2014) é um dos poucos que passa ileso ‘deste time de frustrados’, e se destaca como uma promessa futura. Ganhando as ruas da Cidade Paisagem para conquistar votos, somando aos apoios que vem recebendo em outros municípios, Carlos busca a política do bem, ou seja, sem trair e nem dar ‘bolada nas costas’ de ninguém. Perguntem ao Rominho!!!Em Alta

Lorena… A espera da atenção em ano eleitoral pode fazer muita cidade ficar a ver navios quanto a agilização de verbas e obras, mas em Lorena, o prefeito Fábio Marcondes não tem dado chance ao azar. Ele colocou em prática um trabalho para recuperação de ruas com obras de pavimentação no bairro da Cabelinha, pedido antigo dos moradores e de quem passava pelo local. E se a busca de verbas é palavra de ordem, outro ponto positivo ficou por conta da readequação de valores de imóveis irregulares, o que tirou gente grande da cadeira.
Em Baixa
Aparecida... O presidente da Câmara Marcelo Marcondes foi o centro das atenções no cenário político da cidade quando decretou a extinção do cargo do vereador Dudu Reis, investigado por ligação com um asilo que recebe apoio da Prefeitura. Enquanto  Dudu esperava o resultado das análises sobre seu trabalho voluntário na entidade, o sobrinho do prefeito decidiu bater o pé e tirar da Casa o oposicionista, que já era apontado como uma das moscas na sopa do Executivo. E dizem que decreto por decreto, o de Aparecida fez até inveja a outros presidentes, fanáticos pelo verbo “decretar”…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>