Bastidores da Política

Barrado no baile

Marciano

O paredão partidário que barrou a legenda no DEM para o ex-vereador Antônio Marciano, que pensava ser candidato novamente em Cruzeiro, gerou protestos e ‘cho-ro-rô’ nas redes sociais, com repercussão nas rodas políticas da cidade.

Pelo aplauso da torcida e comentários sobre o episódio, Marciano atribui a façanha ao líder do PL, Paulo Vieira, que supostamente teria ‘convencido’ o radialista Zé Rogério, que comanda o DEM, a barrar seu nome.

Disseram ainda que esta puxada de tapete estava prometida por Vieira!

Fim da novela

O balanço geral da plataforma eleitoral de Thales Gabriel, ocorrida no último sábado, proporcionou surpresas e frustrações. A surpresa que ‘muitos’ sabiam foi a apresentação do novo vice, Paulo Scamila, do MDB, que reúne experiência como ex-prefeito e também é respeitado como um dos bons articuladores políticos de Cruzeiro. As frustrações entre os aplausos e a euforia da torcida organizada na convenção, a ‘cara de paisagem’ do pessoal que ‘babou ovo’ mais de anos esperando ser escolhido para ser vice e viu ‘o barco afundar’. Agora, se tratando de vida real, quer dizer, de campanha, precisa ainda combinar estes resultados com os eleitores!!!

Sopa de letrinhas

Com agenda sobrecarregada com a inclusão de oito partidos na coligação majoritária, a convenção que homologou os nomes de Thales Gabriel para prefeito e Paulo Scamila para vice recebeu também o registro de muitos candidatos ao Legislativo de Cruzeiro. Para esta temporada eleitoral, o prefeito, que busca a reeleição, ganhará as ruas apoiado com cerca de 120 cabos eleitorais interessados em conquistar uma das 10 vagas na próxima Câmara como filiados nas siglas PSD, MDB, PSDB, PL, DEM, PSL, PSB e Republicanos.


N
ão convidem para…

…mesma picanha – os vereadores que buscam a reeleição e os novos candidatos à vaga na Câmara de Guará, principalmente se for para esclarecer a paternidade de várias realizações da Prefeitura e o churrasqueiro do encontro for o veterano João Pita!!!

Tira-teima…

…em Cachoeira Numa ‘queda de braços com o PSD leia-se Guiherme Marcondes, a cúpula do MDB precisou recorrer a uma pesquisa de última hora conferindo entre quatro nomes quem seria o melhor vice para Antônio Mineiro, na antevéspera da convenção. Disseram que o mais interessado na indicação foi o quarto colocado com apenas 7%, eliminando até a aliança com partido pretendente.

Quase oficial

Antônio Mineiro, Adriana Vieira e Dr. Ailton

Com um apelo de numa Cachoeira Paulista melhor, os prefeituráveis Antônio Mineiro (MDB) e Dr. Ailton Vieira (PTB) resolveram unir forças, prestígios e grupos para tentar libertar da cidade da ‘motolândia’ em 15 de novembro.

A majoritária foi aclamada pelos partidos aliados da dupla no último sábado, na convenção que tirou o fôlego de muitos concorrentes, em especial aquele que já perdeu duas eleições consecutivas para prefeito e agora aumenta a chance de pedir ‘música no Fantástico’, se perder a terceira. Façam suas apostas…

Sangue azul

A consolidação da aliança MDB com PSDB precisou de duas convenções para acertarem os ponteiros. Segundo a patuleia política, a primeira ocorreu no último dia 5 com os partidos da geral uma espécie de ‘baixo clero’, incluindo a sigla de Argus; no último sábado, foi a vez dos tucanos ‘puros-sangues’, que em ato mais restrito com a desculpa de evitar aglomeração lavraram a ata eleitoral ratificando Dr. Marcelo Meirelles na majoritária, como representante do PSDB. Ah! As duas convenções ocorreram no mesmo local, a chácara do prefeiturável.

Definição na Terra da…

…Padroeira – O suspense sobre o paradeiro eleitoral do Zé Louquinho, nestas eleições, terminou nesta segunda-feira, com seu nome ‘provisoriamente’ sendo homologado pelo PL como vice da candidata a prefeita, Jeffercy Chad. A palavra ‘provisório’, corre por conta da especulação política de Aparecida, que acredita numa estratégia de Zé Louquinho caso haja impugnação de seu nome na Justiça Eleitoral. Ou seja, é menos traumático e indigesto aos eleitores, trocar o vice de uma campanha mesmo sendo ele que um candidato a prefeito. Outra suposição dos comentaristas, é como vice, talvez não esteja tão exposto às denúncias e pedidos de impugnação.

Na falta de ‘tu’, vai tu mesmo

Comenta-se em Aparecida que achar um ‘nome’ disponível para compor uma candidatura a vice-prefeito está mais difícil que acertar a milhar no jogo do bicho. E disseram: “o Celso Alves que o diga!!!” No início de semana mais quente da política eleitoral na cidade, com três convenções acontecendo, o candidato do PSDB, Celso Alves, anunciou o arquiteto Gustavo Lopes (PSD) como companheiro de chapa para tentar conquistar pela terceira vez a Prefeitura. Das duas uma: ou ele ganha, ou vai pedir música no Fantástico, a exemplo de três candidatos da região – Guaratinguetá, Lorena e Cachoeira Paulista.

Esquenta o clima…

Fabio e Marietta

…eleitoral em Lorena – Os partidos DEM, Cidadania e PSL realizaram convenção, no último sábado, para oficializar as candidaturas de Marietta Bartelega à prefeita e dos filiados nas siglas a vagas na futura Câmara.

O evento foi prestigiado por políticos, convidados e apoiadores das candidaturas, a exemplo do prefeito Fabio Marcondes, que ao saudar sua vice pela recuperação de saúde após passar pela Covid-19, fez uma recomendação: “Marietta você venceu o vírus, agora precisa vencer os ‘vermes’…”; e na sequência, uma denúncia: “professor Sylvio Ballerini há 40 anos não regulariza o IPTU de sua mansão, campo de futebol e piscina semi olímpica…”!

Durmam com este barulho…

Aquecimento

A corrida eleitoral de Guará segue em ritmo de aquecimento revelando tendências e reservando surpresas para as próximas 9 semanas até 15 de novembro. Segundo o pessoal da inteligência, a recomendação é prestar atenção no ex-prefeito Junior Filippo, que neste período pré-eleitoral busca relembrar o que foi feito em seu governo, mas que já deixou claro em suas lives que está municiado para desmontar a concorrência nos debates e para mostrar aos eleitores o que pretende fazer no futuro.

Com apoio popular…

Isael e Piorino

…a dupla Isael Domingues e Ricardo Piorino que renovou os votos de buscar apoio a mais um mandato em Pindamonhangaba, reuniu os partidos coligados na convenção do último sábado, para o primeiro passo em preparação a campanha oficial que inicia no próximo dia 27.

De olho em uma das 11 vagas na futura Câmara, representantes dos oito partidos PL, PSL, PSC, PTC, PSB, PV, Podemos e Republicanos se motivaram a irem para o corpo a corpo com os eleitores, com o melhor material de campanha da temporada, ou seja, o trabalho de Isael e Piorino neste primeiro mandato, que já recebeu aprovação 68% junto à população.

A meta é conquistar além da reeleição, o maior número de vagas no Legislativo.

 

Compartilhar é se importar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?